Publicidade
Quinta-Feira, 15 de Novembro de 2018
Descrição do tempo
  • 27º C
  • 20º C

Presépio da Praça 15, referência no Brasil, será lançado nesta segunda-feira

O presépio, recriado anualmente pelo artista plástico Jone Cesar de Araújo segue os princípios criativos de Franklin Cascaes na arte tropicalista

Redação ND
Florianópolis
16/12/2017 às 11H20

Nas ruas, casas e edifícios, o brilho do Natal invadiu Florianópolis. A partir da próxima segunda-feira, às 19h, o clima natalino vai ficar ainda mais especial com a inauguração do Presépio Natural e Artesanal da Praça 15 de Novembro, o mais tradicional do Brasil montado em espaço público e premiado internacionalmente.

Trata-se de uma obra efêmera, criada desde 1993 pelo artista plástico Jone Cesar de Araújo, sendo por ele recriada, confeccionada e montada anualmente. O presépio segue os princípios criativos de Franklin Cascaes na arte tropicalista. Este ano foi produzido com a utilização de sementes, conchas, fibras naturais e catutos como elementos de confecção e acabamento dos adornos, alusivos à natureza da Ilha de Santa Catarina.

O presépio, realizado com uma diversidade de materiais, muitos coletados de forma sustentável, é composto por treze figuras humanas, em tamanho maior que o natural, e os acessórios são adornados com linguagem artística que apresenta e perpetua a tradição histórica do presépio em conjunto com os costumes da cidade.

Além das figuras humanas, a obra contém ainda animais como um camelo em estrutura de madeira e três ovelhas feitas de aço, em tamanho natural. Há ainda ofertório composto por 45 peças confeccionado com elementos da cerâmica regional açoriana, cestaria de vime e cipó e acessórios da pesca artesanal catarinense como tarrafas, redes e âncoras.

Presépio é criação do artista plástico Jone Cesar de Araújo - Divulgação
Presépio é criação do artista plástico Jone Cesar de Araújo - Divulgação



Este conjunto de peças e materiais, além do processo criativo do autor, fizeram do Presépio Natural e Artesanal da Praça 15 uma referência da arte presepista tropicalista brasileira. Mas, não é apenas no Brasil que a obra é destaque. O Presépio da Praça 15 é o único nas Américas a fazer parte do tombamento da Unesco como patrimônio da humanidade.

Em 2016, a obra histórica do Presépio recebeu, junto com seu artista, um prêmio de reconhecimento por sua beleza e originalidade: a Medalha de Honra ao Mérito Presepista, atribuída quadrienalmente pela UN-FOE-PRAE (Federação Universal dos Presepistas) aos cinco mais expressivos presepistas do mundo. Título conquistado pela primeira vez pelo Brasil.

"Recebemos prêmios pela originalidade e beleza do nosso Presépio que foi o primeiro na história da humanidade a mostrar o futuro do Menino Jesus, que virá pela segunda vez, como Rei, rodeado de milhares de anjos e com grande poder e glória", contou o autor da obra, Jone Cezar de Araújo.

Para tornar-se o criador do Presépio da Praça 15, Jone Cezar de Araújo se aprofundou na história, técnicas e estilos da arte do presépio ao redor do mundo. Antes dele, porém, a obra era produzida pelo pesquisador e artista Franklin Cascaes, incentivado pelo também artista e museólogo Gelci José Coelho (Peninha).

Ambos montaram o primeiro “Presépio Natural”, em 1973, no Campus da UFSC, na Trindade, causando polêmica e admiração. Em 1974, transferiram o Presépio para a Praça 15 de Novembro, tornando-se o Presépio oficial da Capital dos Catarinenses.

A inauguração do Presépio ocorre na segunda-feira, 18 de dezembro, às 19h, na Praça 15 com apresentação do Coral Vozes de Santa Catarina.

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade