Publicidade
Quarta-Feira, 19 de Setembro de 2018
Descrição do tempo
  • 27º C
  • 17º C

Polícia prende filho que matou o pai a facadas e marteladas em Anitápolis, na Grande Florianópolis

O rapaz tinha o diagnóstico de esquizofrenia

Redação ND
Florianópolis

Neste sábado, 15, a Polícia Civil de Anitápolis, com apoio da Polícia Civil de Rancho Queimado e da Polícia Militar local, prendeu um homem de 43 anos, após assassinar o pai, um homem de 74 anos, com facadas e marteladas, no município de Anitápolis. O filho sofre de esquizofrenia e vivia com os pais.

Divulgação/PMF
O filho já tinha ameaçado de morte a família

 

Após o crime, ele fugiu do local, mas foi capturado pela polícia enquanto se deslocava pelas ruas de Anitápolis. A Polícia Civil foi acionada e conseguiram localizar e deter o autor. Ele foi conduzido à Central Regional de Plantão de Palhoça. O filho teria discutido com o pai na cozinha e desferido diversas facadas. Depois, ele ainda pegou um martelo nos fundos e voltou para golpeá-lo novamente. O socorro foi acionado, mas, quando chegou ao local, encontrou a vítima já morta.  

O filho já tinha ameaçado de morte a família em outros momentos, atitudes atribuídas à esquizofrenia, mas, até então, nunca tinha concretizado nenhuma das ameaças. A mãe estava em choque.

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade