Publicidade
Sexta-Feira, 15 de Fevereiro de 2019
Descrição do tempo
  • 26º C
  • 18º C

Obras de revitalização da avenida Presidente Kennedy estão atrasadas em São José

Término estava previsto para junho, mas projeto sofreu mudanças

Rafaella Martins
Florianópolis
Marco Santiago/ND
Obras na avenida Presidente Kennedy em São José
Obra deve ser concluída até o início de outubro

 

As obras de revitalização da avenida Presidente Kennedy estão atrasadas. O projeto, que tinha previsão de entrega para o final de junho, continua tirando o sono de moradores e comerciantes que aguardam ansiosos pela conclusão. Segundo o secretário de Projetos Especiais da Prefeitura de São José, Aurélio Remor, a obra deve estar totalmente concluída até o início de outubro. 

Algumas etapas, como a alteração do sentido da pista para mão única, estão concluídas. Outra fase da obra que foi entregue foi a elevação da ponte sobre o rio Araújo. Por ser uma obra que tinha como principal objetivo o aumento da vazão das águas pluviais em até 70%, acabou exigindo a transferência da tubulação para abastecimento de água da Casan, tornando-se uma das mais trabalhosas e motivo de atraso das demais. “Tinha adutoras até de 1955, sem plantas, o que exigiu um cuidado muito maior, pois qualquer erro poderia deixar a cidade vizinha sem abastecimento de água.”, afirmou Remor. 

A adequação da obra para não prejudicar o comércio local também é apontada pelo secretário como uma das causas pelo atraso. “É uma avenida com comércio pujante e isso nos obrigou a planejarmos uma maneira de executar a obra sem prejudicar os comerciantes, pois não podíamos mexer nas calçadas em frente a um posto de gasolina, por exemplo, durante a semana e em horários de pico”, justificou.

Ciclovia vira estacionamento 

O projeto de implantação da ciclovia, que seria feita em toda extensão da avenida, foi alterado e o espaço será transformado em estacionamento. “Foi uma solicitação dos moradores e comerciantes da região que julgaram a criação de vagas para estacionamento mais importante.”, revelou Remor. A ciclovia será construída na avenida Beira-Mar de São José. Com essa mudança, a avenida passará a contar com, no mínimo, 260 vagas para os veículos. 

Esse espaço, futuramente, será de estacionamento rotativo com a implantação do sistema “Rotativo São José”, projeto já elaborado e que está na Secretaria de Administração aguardando o processo licitatório. “A implantação do serviço, o monitoramento, a mão de obra e a organização dessas vagas serão feitos por uma empresa terceirizada.”, informou a secretária de Segurança, Defesa Social e Trânsito, Ane Warmling. 

Segundo ela, o projeto prevê a implantação da conhecida zona azul nas regiões de Campinas, Kobrasol e Barreiros, áreas de maior movimento comercial do município. “As avenidas Presidente Kennedy, Central do Kobrasol e Leoberto Leal são as principais áreas comercias da nossa região e que terão o sistema”, informou ela.

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade