Publicidade
Sexta-Feira, 21 de Setembro de 2018
Descrição do tempo
  • 25º C
  • 17º C

Nova proposta pode por fim à greve dos bancários nesta segunda-feira

Em Florianópolis, os bancários se reúnem em assembleia às 17h, no Centro

Viviane de Gênova
Florianópolis

Uma nova proposta apresentada pela Fenaban (Federação Nacional dos Bancos) pode colocar fim à greve iniciada pelos bancários no dia 5 de outubro em todo o país. A nova oferta inclui 10% de aumento no salário, além de 14% no vale-alimentação e no vale-refeição.

Marco Santiago/ND
A adesão dos bancários ao movimento na regional Florianópolis foi de 60%

 

A proposta foi oferecida no sábado (24) ao comando nacional de greve, que orientou às regionais que realizassem assembleias nesta segunda-feira (26) para avaliação, com a recomendação para que aceitem a oferta. Em Florianópolis, a assembleia será realizada às 17h, no Centro.

“Não é o que pedimos inicialmente, mas é uma proposta possível. Se for aceita na regional, terminaremos a greve com uma avaliação positiva. Claro que se o movimento tivesse conseguido mais força, talvez tivéssemos chegado a uma oferta melhor. Mas em vista ao que nos ofereceram inicialmente, é possível de aceitação”, avalia o secretário geral do SEEB (Sindicato dos Bancários de Florianópolis e Região), Jacir Zimmer.

De acordo com o representante sindical, a adesão do movimento nos 21 municípios que compõem a regional Florianópolis foi de aproximadamente 60% dos cerca de 4 mil funcionários. A reivindicação da categoria era de 16% de aumento.

Assim que a greve começou, a proposta inicial da Fenaban era de 5,5% e depois subiu para 7,5% e 8,75%, até chegar aos 10%. A federação também retirou o pedido de compensação total das horas não trabalhadas.

Caso aceitem a oferta, os bancários com jornada de seis horas diárias terão abonados 62% das faltas. Assim, reporão uma hora por dia até o dia 15 de dezembro. Já para quem trabalha em jornada de oito horas, o abono será de 73%. 

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade