Publicidade
Quarta-Feira, 14 de Novembro de 2018
Descrição do tempo
  • 30º C
  • 22º C

UFSC e Udesc são destaques entre as principais instituições do país avaliadas pelo MEC

Ranking das principais instituições de ensino superior do país é referente a 2016

Diogo de Souza
Florianópolis
28/11/2017 às 22H23

O MEC (Ministério da Educação), por meio do Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira), divulgou o ranking das principais instituições de ensino superior do país, a partir do IGC (Índice Geral de Cursos) referente a 2016. Santa Catarina voltou a ser destaque, com a UFSC (Universidade Federal de Santa Catarina) como a sexta melhor universidade federal do Brasil e a Udesc (Universidade do Estado de Santa Catarina) como a oitava colocada entre as 40 universidades estaduais analisadas.

De acordo com o Inep, os indicadores de qualidade são formalizados de um a cinco, onde três (ou mais) aponta para nível satisfatório. Conforme os dados divulgados, o IGC da UFSC indica a média de 4,0747 e a consolida como a única instituição catarinense a ultrapassar o nível quatro, sendo que, das 230 universidades avaliadas no país, apenas oito atingiram o feito.

Para o reitor pro tempore da UFSC, Ubaldo Cesar Balthazar, o resultado reitera a condição de “uma das melhores universidades do Brasil”. O reitor manifestou a importância do resultado diante dos últimos acontecimentos envolvendo a morte de Luiz Carlos Cancellier de Olivo, no início de outubro. “Apesar de todas as dificuldades e do abalo que todos sofremos recentemente, o IGC revela, de maneira inequívoca, que a ação da administração central, em geral, e a gestão dos cursos avaliados é de qualidade. Esta é a verdadeira face da nossa instituição, docentes, técnicos e estudantes competentes, dedicados e de excelência”, afirmou.

Das 230 universidades avaliadas, nenhuma alcançou a nota máxima no ranking do Inep. A liderança do ranking geral é Unicamp (Universidade Estadual de Campinas), com IGC de 4,3744. Em seguida vem a UFRGS (Universidade Federal do Rio Grande do Sul), que contabilizou 4,2985 de média e se consolidou como a principal universidade federal do Brasil.

A UFSC é a sexta melhor instituição federal do Brasil - Marco Santiago/ Arquivo/ ND
A UFSC é a sexta melhor instituição federal do Brasil - Marco Santiago/ Arquivo/ ND



Udesc tem conceito geral quatro

A Udesc evoluiu no IGC em relação ao ano anterior. Conforme o índice, na escala de um a cinco, a Udesc recebeu conceito geral quatro, com IGC de 3,4502 e aparece como a oitava colocada entre as 40 universidades estaduais analisadas.

O IGC é um indicador que avalia a qualidade das instituições de educação superior. É um instrumento construído com base em uma média ponderada das notas dos cursos de graduação e pós-graduação de cada instituição. Dessa maneira, sintetiza um único indicador a qualidade de todos os cursos de graduação, mestrado e doutorado da mesma instituição de ensino.

“São parâmetros que a gente vem trabalhando no sentido de alcançá-los. São importantes para que alcancemos o resultado lá na ponta, no caso, na formação dos alunos”, ressaltou o reitor da Udesc, Marcus Tomasi. Ele ainda exaltou o modelo de avaliação: “Provoca e instiga a instituição, de uma maneira geral, a qualificar a graduação e a pesquisa”.

Udesc é a oitava melhor entre as estaduais - Marco Santiago/ ND/ Arquivo
Udesc é a oitava melhor entre as estaduais - Marco Santiago/ ND/ Arquivo



AS UNIVERSIDADES 

UFSC

119 cursos de graduação

45.006 alunos matriculados

2.670 docentes

3.242 técnicos administrativos

Udesc

59 cursos de graduação

15 mil alunos matriculados

1.198 docentes

761 técnicos universitários

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade