Publicidade
Segunda-Feira, 24 de Setembro de 2018
Descrição do tempo
  • 28º C
  • 19º C

Meninos presos em caverna na Tailândia vão receber aulas de mergulho

Autoridades ainda discutem qual a melhor forma de resgatar o grupo

Folha de São Paulo
São Paulo (SP)
03/07/2018 às 21H15

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Os 12 meninos e seu treinador de futebol isolados pela água há dez dias em uma caverna inundada na Tailândia receberão alimentos para quatro meses e aulas de mergulho para o resgate, anunciou a Marinha nesta terça-feira (3). Os meninos, com idade entre 11 e 16 anos, e seu treinador, 25, foram localizados na noite de segunda-feira (2) - sãos e salvos - no interior da caverna, cuja saída foi bloqueada por inundações há dez dias.

Meninos e técnico de futebol estavam desaparecidos há nove dias em um complexo de cavernas - HO / ROYAL THAI NAVY / AFP
Meninos e técnico de futebol estão isolados em caverna há 10 dias- HO / ROYAL THAI NAVY / AFP


Um vídeo gravado pelos socorristas e publicado nas redes sociais mostra o grupo de meninos magros, vestidos com camisas de futebol sujas de lama, refugiados em uma saliência da caverna cercada pela água.

Um grupo de médicos foi enviado para examinar os meninos e avaliar sua capacidade para mergulhar, a partir desta terça-feira ou em alguns dias, dependendo do seu estado.

Enquanto isto, os socorristas seguem bombeando ao máximo a água para fora da caverna visando facilitar o resgate dos meninos, que deverão percorrer quatro quilômetros até a saída.

"Será preciso treiná-los (...). Vamos ver do que são capazes", declarou o governador da província de Chiang Rai, Rarongsak Osottanakorn, que chefia equipe de resgate.

A TV tailandesa acompanha em tempo real as operações. 

Os mergulhadores encontraram os meninos a uma centena de metros de "Pattaya Beach", a zona da caverna onde acreditavam que eles estariam refugiados, agora inundada. 

Nopparat Kantawong, o técnico principal do clube de futebol dos meninos, se disse convencido de que o esporte e o espírito de equipe foram fundamentais para sua sobrevivência.

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade