Publicidade
Terça-Feira, 25 de Setembro de 2018
Descrição do tempo
  • 26º C
  • 18º C

Ladrões de carros aproveitam momentos de descuido e ruas de pouco movimento para escolher vítimas

Polícia Militar registra mais três no fim de semana, em Florianópolis, ereforça orientações para dificultar ação de assaltantes

Edson Rosa
Florianópolis

Entrar e sair de casa de carro em bairros residenciais ou estacionar em ruas pouco movimentadas podem ser atitudes de risco em algumas áreas de Florianópolis. Entre o fim da noite de quinta-feira, 14, e a madrugada de sábado, 16, pelo menos três roubos de veículos foram registrados pela Polícia Militar. No caso mais emblemático, cinco pessoas foram presas após perseguição de policiais do 4º Batalhão da PM. A prevenção é a melhor maneira de evitar roubos de carros. Nestes casos, ainda há o risco de ocorrer sequestro relâmpago, segundo o tenente- coronel Araújo Gomes, comandante do 4º BPM.

Segundo Araújo Gomes, estes crimes costumam ocorrer em bairros residenciais e em vias públicas ermas. Foi o que ocorreu  na Carvoeira, próximo ao campus da UFSC (Universidade Federal de Santa Catarina), por volta das 3h de sábado. Três jovens chegavam em casa e estacionaram na rua, quando foram abordados por quatro bandidos, que levaram o Citroën C3 Branco. Um vizinho, que também chegava em casa, teve a chave do Celta roubada, também. A polícia recomendou que ele esvaziasse os pneus, o que ele não fez, permitindo a volta dos ladrões para levar o carro mais tarde.

Na região da Carvoeira os policiais localizaram o Celta, que foi roubado logo depois, e prenderam um homem suspeito. Com informações obtidas ali, fizeram mais diligências e encontraram um Fiat Uno Preto, com quatro pessoas, em Coqueiros. Os presos revelaram a localização do  Citroën, que estava em uma via pública, no Continente. Três dos cinco detidos eram adolescentes.

Nos outros dois casos os veículos não foram recuperados até a noite de ontem. Um dos assaltos aconteceu no bairro Itaguaçu, região continental, e outro na Agronomia. Neste último crime uma família chegou a ser sequestrada, e liberada em seguida.  

 Como evitar - dicas da PM

- Adote atitudes preventivas. Avalie o cenário ao estacionar ou sair com seu carro. Se houver alguém suspeito observando, prefira dar uma volta e estacionar e sair com o veículo depois. Também prefira locais movimentados. Os roubos costumam ocorrer bairros residenciais e em vias secundárias, pouco movimentadas. 

 

- Não fique com seu carro parado em vias escuras, tanto para esperar alguém ou namorar. É um excelente momento para você ser assaltado.

- Quando for entrar ou sair de casa com seu veículo, se possível, peça a alguém para observá-lo de dentro da residência. Caso aconteça alguma coisa, esta pessoa poderá chamar a polícia.

- Caso você seja abordado por um assaltante, entregue os seus pertences e o carro o mais rápido possível. Isso evita outro desastre.

- Caso você seja roubado, ligue o mais rápido possível para a Polícia Militar, por meio do número 190. Muitas vezes as vítimas ligam antes para parentes ou para a seguradora. Quanto antes a PM for avisada, antes ela poderá agir.

 

 

 

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade