Publicidade
Quinta-Feira, 20 de Setembro de 2018
Descrição do tempo
  • 23º C
  • 18º C

Ladrão entra em quartel da PM, rouba tênis de policial e ganha passagem para voltar para casa

Jonata Torres de Moura, 22 anos, que recentemente saiu do Presídio de Balneário Camboriú, entrou pela porta da frente do 4o BPM

Colombo de Souza
Florianópolis
Débora Klempous/ND
Jonata entrou de chinelo de dedo no quartel e saiu com um tênis Nike, depois foi preso na rodoviária

A ousadia de um ladrão colocou à prova a vulnerabilidade da segurança pública na Capital na tarde de terça-feira. Jonata Torres de Moura, 22 anos, que recentemente saiu do Presídio de Balneário Camboriú não encontrou dificuldades para entrar nas dependências do 4ºBPM e furtar o calçado de um soldado no alojamento coletivo.

Eram aproximadamente 16h quando o gaúcho da cidade de Rio entrou pela porta da frente nas dependências da unidade militar sem ser visto pelos seguranças da guarita armados de pistolas. Subiu até o primeiro andar de onde furtou o tênis Nike do soldado Antônio Pereira, 45. Moura estava de sandália de dedos e disse que deixou o chinelo ao lado da cama, onde estava o calçado.

Flagrado depois pelo sargento Machado, Torres disse que precisava de ajuda e pediu uma passagem para o Rio Grande do Sul. Sem saber que o invasor havia cometido o furto, o PM o conduziu até o programa da Prefeitura de Florianópolis de Abordagem de Rua. Lá, conseguiu a passagem. O furto só foi percebido após a troca de turno, quando o PM Antônio Pereira subiu no alojamento e não encontrou o tênis.

Ele foi com uma guarnição ao Terminal Rodoviário Rita Maria e prendeu o invasor.  “Os policiais me agrediram para eu confessar que pulei o muro do quartel. Nem posso fazer isso porque estou com o pé machucado. Entrei pela porta da frente”, disse Torres, na carceragem da Central de Polícia, na frente dos delegados Ilson Silva e Airton Zanelatto.

Torres foi autuado por tentativa de furto. O delegado de plantão, Antônio Lúcio Antônio Godoi, arbitrou fiança de R$ 678, mas como o suspeito não tinha dinheiro ficou preso. Após o interrogatório ele foi levado para o Cadeião do Estreito.

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade