Publicidade
Segunda-Feira, 19 de Novembro de 2018
Descrição do tempo
  • 24º C
  • 18º C

Índice de Custo de Vida de Florianópolis cresceu em 0,28% em novembro

Pesquisa da Udesc coletou dados entre 29 de outubro e 28 de novembro; Alta nos combustíveis e aumento na tarifa de energia influenciaram o resultado

Redação ND
Florianópolis
07/12/2016 às 16H01

O Centro de Ciências da Administração e Socioeconômicas (Esag) da Udesc (Universidade do Estado de Santa Catarina) divulgou nesta quarta-feira (7) o Índice de Custo de Vida na Capital que teve alta de 0,28% em novembro. O resultado foi 0,48 ponto percentual inferior ao de novembro de 2015 (que registrou 0,76%). Em comparação com o mês anterior, houve elevação de 0,37 ponto percentual – outubro teve deflação de -0,09%.

A variação acumulada nos últimos doze meses é de 7,38% e, nos onze primeiros meses deste ano, a soma alcançou 6,50%.

O resultado do mês foi influenciado pelas variações no grupo Alimentação (0,07%), Produtos Não Alimentares (1,40%, puxada pela alta de 5,04% nos combustíveis para veículos) e Serviços Públicos (0,85%, consequência do aumento de 3,48% na tarifa de energia elétrica). O grupo Outros Serviços não apresentou variação.

No grupo Alimentação, houve aumento nos produtos industrializados (1,05%, impactado especialmente pelos derivados do leite) e queda nos hortifrutigranjeiros (-1,74%) e nos produtos de elaboração primária (-1,28%).

Os dados para o índice do mês foram coletados entre 29 de outubro e 28 de novembro de 2016.

Sobre o índice

O Custo de Vida de Florianópolis é calculado desde 1968 pela Udesc Esag, em trabalho coordenado pelo administrador Hercílio Fernandes Neto, egresso da instituição.

Reflete a variação de preços incidentes sobre os orçamentos das famílias da Capital, com base na comparação de preços de 319 itens. A relevância de cada produto para o cálculo do índice foi definida por meio de uma pesquisa de orçamento familiar, também realizada pela Udesc Esag.

A divulgação do Índice de Custo de Vida é realizada pela Acif (Associação Comercial e Industrial de Florianópolis), por meio de convênio firmado em 2007.

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade