Publicidade
Sexta-Feira, 16 de Novembro de 2018
Descrição do tempo
  • 26º C
  • 19º C

Ex-deputados são nomeados para cargos comissionados na Assembleia Legislativa

Além dos ex-parlamentares Volnei Morastoni (PT) e Adilor Guglielmi (PSDB), ex-presidente do TCE e ex-presidente da Junta Comercial estão entre os nomeados

Stefani Ceolla
Florianópolis

Pelo menos quatro nomes conhecidos na política catarinense foram convidados para cargos de confiança na Alesc (Assembleia Legislativa) no início deste novo mandato. Os ex-deputados estaduais Volnei Morastoni (PT) e Dóia Guglielmi (PSDB) vão responder como coordenadores de Saúde e Assistência e do Orçamento Estadual, respectivamente. Além deles, assumem cargos comissionados o ex-presidente do TCE (Tribunal de Contas do Estado) Salomão Ribas Júnior e o ex-presidente da Jucesc (Junta Comercial do Estado), Fabrício Oliveira (PSB). Salomão é o novo procurador-geral da Casa, enquanto Fabrício assume o cargo de diretor-administrativo.

Divulgação
Dóia (à esq.) não foi encontrado no setor que chefia, na quinta e sexta, quando foi procurado pelo ND

 

Os convites foram feitos pelo atual presidente da Alesc, Gelson Merisio (PSD). “São cargos de confiança da presidência, e como conhecem a Casa, os escolhi”, explicou. “Foi uma decisão minha, não uma orientação partidária. É resultado da harmonia que temos”, completou Merisio, que salienta que se tratam de membros de diferentes partidos, o que representa uma escolha democrática.

O presidente também garante que os escolhidos têm experiência nos cargos, como o caso de Morastoni, que é médico. “Eu podia ser ministro de Saúde do Brasil, secretário de Saúde de Santa Catarina, tinha convite para ser secretário de Saúde em vários municípios. Esse cargo está dentro dessa concepção”, resumiu Morastoni. Fabrício também atribui à experiência a escolha para o cargo. “Eu ocupei algumas funções no governo Colombo, por isso lembraram do meu nome”, avaliou.

Os salários dos novos comissionados não estão disponíveis no Portal da Transparência da Alesc. A assessoria de Casa não soube informar o valor dos vencimentos.

Ex-presidente recusa convite para colaboração

Quem também foi convidado por Gelson Merisio para assumir um cargo de confiança na Assembleia Legislativa foi o ex-presidente da Casa, Joares Ponticelli (PP). “Fiz um convite para que ele assumisse um cargo na assessoria da presidência, mas ele não aceitou. O Joares é ex-presidente e se ele tiver vontade de continuar trabalhando aqui, lugar para ele nós vamos encontrar”, declarou Merisio.

Ponticelli atribui à falta de tempo a recusa ao convite. “A função que ele me ofereceu ficaria incompatível com a minha atividade no partido. Eu sou muito cuidadoso em relação a essas questões de cumprimento de horário e a presidência do partido exige presença em várias regiões do Estado”, justificou o ex-deputado, que atualmente conduz o PP.

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade