Publicidade
Segunda-Feira, 24 de Setembro de 2018
Descrição do tempo
  • 28º C
  • 19º C

DNA aponta quer filho de repórter reconhecido por FHC não é do ex-presidente

Redação ND
Florianópolis

Dois exames de DNA, realizados entre o ano passado e o início de 2011, apontaram que o filho da jornalista Miriam Dutra, Tomás, não é do ex-presidente da República Fernando Henrique Cardoso (PSDB-SP), segundo matéria publicada na edição da revista Veja desta semana.

Em 2009, o tucano reconheceu a paternidade do rapaz, hoje com 19 anos, em um cartório na Espanha – para onde a repórter foi enviada pela TV Globo. O caso sempre foi tratado com discrição pela família do ex-presidente, mas naquele mesmo ano a confirmação do reconhecimento da paternidade foi divulgada pelo jornal Folha de S.Paulo.

Ainda segundo a revista, FHC e Tomás decidiram juntos fazer o exame de DNA, nos Estados Unidos (onde o jovem cursa uma faculdade de relações internacionais), mesmo sem ter havido qualquer contestação sobre o parentesco.

Apesar do exame de DNA, o ex-presidente teria dito a Tomás que, independentemente do resultado, a relação dos dois não mudaria. De acordo com a revista, o tucano reafirmou o que disse mesmo após o resultado negativo.

Embora Tomás vivesse com a mãe na Europa, ele e FHC se viam constantemente – mesmo antes do reconhecimento oficial em cartório. 

A informação de que ele e a jornalista tinham um filho vazou entre 1993 e 1994, quando o tucano deixou o ministério da Fazenda para disputar a Presidência.

O portal R7, da Record, procurou o tucano neste sábado por meio de sua assessoria de imprensa, mas não conseguiu localizá-lo para comentar o caso. 

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade