Publicidade
Terça-Feira, 23 de Outubro de 2018
Descrição do tempo
  • 24º C
  • 18º C

Criança é morta com tiro em novo conflito ligado a futebol no Egito

Garoto de 13 anos foi alevejado nas costas. Outras duas pessoas estão hospitalizadas após confusão

Redação ND
Florianópolis
R7/ND
Jogadores fogem correndo da nova confusão do futebol no Egito

Dezenas de pessoas ficaram feridas e um menino de 13 anos de idade foi morto, durante um confronto entre torcedores de futebol no Egito e forças de segurança. O enfrentamento ocorreu após a equipe do Al-Masry ter sido suspensa por dois anos, como punição por um confronto violento em seu estádio, em fevereiro, em que 74 pessoas foram mortas. A suspensão do Al-Masry significa que o time ficará impedido de participar de competições até o final de 2013.

Segundo o jornal Al-Ahram, o menino de 13 anos morreu em um hospital após ter levado um tiro nas costas. O Exército tentou impedir que os torcedores revoltosos alcançassem o Canal de Suez, o que gerou enfrentamentos. A agência de notícias Reuters afirmou que outras duas pessoas estão hospitalizadas após terem levado tiros.

O time do Al-Ahly, que disputava o jogo contra o Al-Masry em fevereiro, também sofreu uma punição, ainda que mais branda. A equipe terá de disputar quatro jogos sem a presença de sua torcida. E o treinador e capitão da equipe foram suspensos e terão de pagar multas.

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade