Publicidade
Segunda-Feira, 19 de Novembro de 2018
Descrição do tempo
  • 24º C
  • 18º C

Confira como foi a primeira propaganda eleitoral na TV dos candidatos ao governo de SC

Candidatos optaram por se apresentar aos eleitores e ainda não começaram a apresentar propostas

Redação ND
Florianópolis
31/08/2018 às 22H02

Em vez de apresentarem propostas, os candidatos ao governo de Santa Catarina usaram o primeiro dia da propaganda eleitoral gratuita nas emissoras de rádio e televisão, na sexta-feira (31), para se apresentarem ao eleitorado catarinense. Os nove candidatos ao governo concorrem pela primeira vez ao cargo e, em grande parte, optaram por retratar suas trajetórias.

Candidatos ao Governo de Santa Catarina - Divulgação/ND
Candidatos ao Governo de Santa Catarina - Divulgação/ND

Os dois candidatos com maior tempo de exibição na televisão, Mauro Mariani (MDB), com 3 minutos e 34 segundos, e Gelson Merisio (PSD), 3 minutos e 12 segundos, usaram o espaço para contar suas histórias, e resgatar os principais fatos da vida política e profissional. Ambos relembraram os cargos que ocuparam em empresas, associações e na vida pública, e apresentaram suas mulheres e filhos no horário eleitoral.

Mariani disse que Santa Catarina é uma referência para o país, com ações e serviços de primeiro mundo, mas que nos últimos anos acabou não tendo o cuidado que merecia. “Você pode ainda não me conhecer. Mas eu conheço você. Conheço o catarinense”, disse.

Merisio apresentou sua história “construída com a terra vermelha do interior” catarinense. “Gosto de trabalhar. Gosto de falar o que penso, mesmo que isso me custe muito caro. Não tenho medo de lutar pelo que acredito”, afirmou.

Terceiro candidato com maior tempo, Décio Lima (PT), aproveitou o 1 minuto e 21 segundos para exaltar os trabalhadores catarinenses. Ele optou por não usar o vermelho tradicional do PT, não fez menção ao partido e se apresentou como o “novo” nestas eleições. “Vou governar investindo nessa vocação para o trabalho do povo catarinense”.

Com 11 segundos, Leonel Camasão (PSOL) também se apresentou aos eleitores e falou sobre a motivação de sua candidatura. Ingrid Assis (PSTU) teve seis segundos para se pronunciar, e convocou os catarinenses a fazerem uma “rebelião” no Estado.

Dos nove candidatos, quatro deixaram de exibir o programa: Ângelo Castro (PCO), Comandante Moisés (PSL), Jessé Pereira (Patri) e Rogério Portanova (Rede).  

Horário eleitoral - Divisão do tempo durante a semana

  • Segundas, quartas e sextas – candidatos a senadores (7min), deputados estaduais (9min) e governador (9min)
  • Terças, quintas e sábados – candidatos a presidente (12min30s) e deputados federais (12min30s)
  • Na TV: das 13h às 13h25 e das 20h30 às 20h55
  • No rádio: das 7h às 7h25 e das 12h às 12h25
Publicidade

1 Comentário

Publicidade
Publicidade