Publicidade
Quinta-Feira, 20 de Setembro de 2018
Descrição do tempo
  • 23º C
  • 18º C

Com nova iluminação, ruas da Tapera são as primeiras beneficiadas pelo Floripa Iluminada

Programa busca substituir 16 mil pontos de luz de 48 bairros de Florianópolis até novembro de 2018

Gustavo Bruning
Florianópolis
27/09/2017 às 18H00

Moradores de 14 ruas do bairro Tapera, no Sul da Ilha, podem contar com mais segurança ao sair à noite. O bairro foi o primeiro a ter as obras do projeto Floripa Iluminada concluídas. A ação, que incluiu a troca da iluminação de 142 postes por uma de maior rendimento e potência, busca substituir 16 mil pontos de luz em 1.500 ruas de 48 bairros do município até novembro de 2018.

Anorelinda França mora na rua das Pérolas há 21 anos e comemorou a nova iluminação - Marco Santiago/ND
Anorelinda França mora na rua das Pérolas há 21 anos e comemorou a nova iluminação - Marco Santiago/ND

Moradora da rua das Pérolas, Anorelinda França, 65 anos, aprovou a novidade na iluminação. A carioca, dona de um veículo de transporte escolar, mora há mais de duas décadas na Tapera e tem parentes e vizinhos que percorriam o trajeto com receio. “Agora está bem mais claro. Tem gente que chega tarde do trabalho, por volta das 23h30, e tinha que passar pela escuridão”, conta. Na rua das Perólas, foram substituídas 25 luminárias.

O programa Floripa Iluminada foi lançado pela prefeitura e utiliza recursos da Cosip (Contribuição para o Custeio da Iluminação Pública). Os trabalhos, que começaram em agosto, são executados pelo consórcio SQE Luz. Durante a operação, 2.500 pontos serão trocados por luminárias de LED e o restante será substituído por luminárias de alto rendimento, em um total de R$ 20 milhões em investimentos.

>> Confira a relação de ruas contempladas pelo programa

De acordo com o diretor da Cosip, Waldyvio da Costa, a iluminação na Tapera até então era aberta e de 70 watts. Com a mudança, as 14 ruas passaram a contar com luminárias de 100 watts. As lâmpadas continuam sendo de vapor de sódio, mas Costa garante que a mudança representa uma luminosidade de 30% a 40% maior. “Agora há um espelhamento na parte do vidro que aproveita mais o rendimento da lâmpada, enquanto muita coisa se perdia antes”, afirma.

Substituição em 14 ruas

Ao todo, 14 ruas foram beneficiadas na Tapera: do Engenho, Fortunato José Albino, do Juca, das Pérolas e as servidões do Arvoredo, Caiacanga Mirim, Canto do Sabiá, Ismael João da Silva, Lago Azul, Lua de Mel, Peralta, das Samambaias e Valcionei, e a travessa dos Pinheiros.

O paranaense Gentil Carlos Batista não viu muita diferença com a nova iluminação - Marco Santiago/ND
O paranaense Gentil Carlos Batista não viu muita diferença com a nova iluminação - Marco Santiago/ND

Mas há quem não tenha notado uma grande mudança. O aposentado Gentil Carlos Batista, 42 anos, não notou diferença na iluminação da rua das Pérolas. “Sempre foi uma rua bem iluminada, com vários postes. Essa semana vieram arrumar os buracos, então não tenho do que reclamar. É uma das melhores ruas da Tapera”, diz o paranaense, que mora há oito anos no bairro.

Trabalho segue no Sul da Ilha

Depois da Tapera, as equipes da Cosip dão continuidade à troca de luminárias em bairros como Pântano do Sul e Costa de Dentro. O trabalho também começou no Morro das Pedras e segue no Rio Tavares, Costeira, Carianos e Campeche. Este último, será o bairro mais beneficiado, com 2.452 pontos substituídos. O Rio Vermelho vem em segundo lugar, com 678 pontos.

Conforme Waldyvio da Costa, que acompanha de perto os trabalhos, há cinco equipes da SQE Luz em atividade durante as manhãs e as tardes, com uma média de três trabalhadores em cada local. “O nosso trabalho depende muito do clima e a produtividade está muito boa, porque o tempo está seco. Por trabalhamos com a parte elétrica, teríamos que parar se a chuva aparecesse”, diz.

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade