Publicidade
Quarta-Feira, 21 de Novembro de 2018
Descrição do tempo
  • 26º C
  • 17º C

Com aplicativo e-Título, eleitor não precisará levar título impresso na hora de votar

Lançado pelo Tribunal Superior Eleitoral, o aplicativo está disponível para Android e iOS

Felipe Alves
Florianópolis
01/03/2018 às 07H48

Este ano será mais prático votar nas eleições de outubro. Com a criação do aplicativo para celulares “e-Título”, do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), não será mais obrigatório levar o título de eleitor impresso na hora de votar. A via digital do documento apresenta as principais informações eleitorais do cidadão, permitindo acesso rápido e fácil às suas informações junto à Justiça Eleitoral.

Versão digital do título de eleitor - TSE/Reprodução/ND
Versão digital do título de eleitor - TSE/Reprodução/ND



Disponível para os sistemas Android e iOS, o aplicativo foi lançado no fim do ano passado. Para os eleitores que já fizeram o cadastramento biométrico, que inclui foto, bastará levar o celular na hora de votar. Para quem ainda não realizou a biometria, será necessário apresentar, além do aplicativo, um documento com foto. Em Santa Catarina, 54% dos eleitores (2,7 milhões de pessoas) estão cadastrados pela biometria.

O aplicativo serve para quem já possui o título eleitoral. Patrícia Sardá, coordenadora de Eleições do TRE-SC (Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina), lembra que o aplicativo não substitui a necessidade de fazer a inscrição eleitoral para aqueles que vão votar pela primeira vez. “Esse novo documento vale tanto quanto o de papel. Vale até mais, pois ele tem foto para quem fez a biometria”, afirma.

Com o aplicativo em mãos, os eleitores serão orientados pelos mesários a fazer a “validação” do documento na hora da votação. Por meio de um código QR, o mesário irá se certificar da autenticidade dos dados eleitorais daquele cidadão.

Para o presidente do TSE, ministro Gilmar Mendes, a iniciativa representará economia de recursos públicos, uma vez que não será mais necessário, por exemplo, reimprimir todos os títulos de eleitores que mudaram de zona eleitoral para as próximas eleições. O aplicativo foi uma iniciativa do TRE (Tribunal Regional Eleitoral) do Acre com o objetivo de evitar que moradores de localidades muito distantes tivessem de ir até o cartório eleitoral apenas para imprimir o título. Agora, bastará baixar o aplicativo, sendo obrigatório comparecer à sessão somente nos casos de primeiro registro.

Publicidade

3 Comentários

Publicidade
Publicidade