Publicidade
Quinta-Feira, 15 de Novembro de 2018
Descrição do tempo
  • 27º C
  • 20º C

Cidasc contrata 228 aprovados em concursos da instituição a partir de março deste ano

Serão contratados 50 médicos veterinários e 178 auxiliares operacionais aprovados nos concursos 001 e 002 de 2016

Redação ND
Florianópolis
14/02/2018 às 21H31

A resolução n° 29/2017, publicada no Diário Oficial do Governo do Estado de Santa Catarina no fim do último ano, autoriza a contratação gradativa de 228 novos servidores para a Cidasc (Companhia Integrada de Desenvolvimento Agrícola de Santa Catarina) em março e julho de 2018. Serão contratados 50 médicos veterinários e 178 auxiliares operacionais aprovados nos concursos 001 e 002 de 2016.

De acordo com o presidente da Cidasc, Enori Barbieri, a contratação de médicos veterinários e auxiliares operacionais representa um reforço na equipe técnica da Cidasc, ampliando a capacidade de preservar a saúde pública, executar ações de sanidade animal e coibir entrada e disseminação de pragas e doenças nas lavouras e pomares do Estado. “Para manter o status de único estado do Brasil livre de febre aftosa sem vacinação e o de zona livre de peste suína clássica, precisamos de uma estrutura adequada e de técnicos capacitados”, disse Barbieri.

Cidasc oferece vagas para médico veterinário e auxiliar operacional - Cidasc/Divulgação/ND
Contratação será realizada de forma gradativa, sendo 50% do quantitativo em março e 50% em julho de 2018- Cidasc/Divulgação/ND

Atribuições dos contratados

Os médicos veterinários irão coordenar a execução dos programas sanitários nacionais e estaduais, orientar produtores e cidadãos, fiscalizar o cumprimento de normas, além de inspecionar produtos e subprodutos de origem animal e desenvolver atividades de educação sanitária. Os resultados dessas ações beneficiam diretamente mais de 200 mil produtores em Santa Catarina e garantem o acesso dos produtos catarinenses a mais de 150 mercados de consumo.

A diretora de defesa agropecuária, Priscila Belleza Maciel, explica que os profissionais nomeados vão se dedicar ao fortalecimento da Defesa Agropecuária em Santa Catarina. “O trabalho desempenhado pelos médicos veterinários garante suporte fundamental à sanidade dos rebanhos e à produção de alimentos seguros aos consumidores nacionais e internacionais”, conclui Priscila.

Já os auxiliares operacionais, assim como médicos veterinários e engenheiros agrônomos, são responsáveis por uma das principais atividades realizada pela Cidasc para promover medidas de proteção sanitária, que é a fiscalização de veículos e cargas em barreiras sanitárias nas divisas do Estado ou em barreiras móveis nas estradas.

Priscila destacou que este é um trabalho silencioso, mas de total importância para a manutenção dos status sanitários já conquistados e para avanço no controle e erradicação de pragas e doenças que colocam em risco a saúde pública, a sanidade animal, vegetal e os interesses econômicos do Estado. O sistema de barreiras sanitárias, funciona o ano inteiro, 24 horas por dia, sete dias por semana, para garantir a sanidade agropecuária de Santa Catarina.

Veja a lista completa de aprovados e o processo de convocação no página de concursos da Cidasc.

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade