Publicidade
Quarta-Feira, 14 de Novembro de 2018
Descrição do tempo
  • 30º C
  • 22º C

Cadê as lombadas sinalizadas pelas placas no bairro João Paulo, em Florianópolis?

Moradores da Rua Júlio Vieira aguardam a colocação das estruturas há três anos, porque o trecho é utilizado para desviar o trânsito da Rodovia João Paulo

Redação ND
Florianópolis
27/03/2018 às 16H48

Moradores da Rua Júlio, bairro João Paulo, em Florianópolis, sofrem com o excesso de velocidade dos motoristas que desviam o trânsito da rodovia João Paulo. A pequena rua paralela à rodovia tinha duas lombadas, mas com a pavimentação do trecho na administração passada as estruturas desapareceram. Com a promessa de recolocar as lombadas, as placas de sinalização horizontal foram colocadas há três anos, mas a prefeitura não tinha orçamento na época para executar o serviço.

Adão reclama da alta velocidade dos veículos na Rua Júlio Vieira - Daniel Queiroz/ND
Adão reclama da alta velocidade dos veículos na Rua Júlio Vieira - Daniel Queiroz/ND


Desde então, o aposentado Adão Anísio de Souza, 67 anos, tem discussões diárias quando deixa a sua residência. “Ninguém respeita os pedestres e a velocidade máxima de uma rua estritamente residencial. Os motoristas passam por aqui pisando fundo para descontar o tempo que perderam na fila em função do trânsito. Já perdi amigo porque cobro dos abusados”, afirmou o aposentado.

Para dificultar a situação na Rua Júlio Vieira, as calçadas são minúsculas e duas pessoas não conseguem caminhar lado a lado. O risco de acidente fica ainda mais presente, porque a rua “secundária” é o local de diversão de várias crianças e adolescentes.

Aos 71 anos, a dona de casa Edna Costa Souza passa trabalho a cada vez que sai de casa. “Já cai duas vezes somente pelo susto com a velocidade dos carros que passaram ao meu lado. Meu maior medo é pelos os meus netos, que brincam pela vizinhança. Não há necessidade de circular por aqui a 80 km/h”, comentou a dona de casa.

O diretor da Diope (Operação do Sistema Viário de Florianópolis), Fabrício Justino, informou que vai ao local nesta quarta-feira (28) para verificar o problema. Ele disse que deve colocar as lombadas brevemente.

Publicidade

3 Comentários

Publicidade
Publicidade