Publicidade
Domingo, 18 de Novembro de 2018
Descrição do tempo
  • 28º C
  • 21º C

Ataque no Rio ganha destaque na imprensa internacional

Sites europeus e americanos noticiam o tiroteio numa escola em Realengo, assim como a rede árabe Al-Jazeera

Redação ND
Florianópolis
Reprodução/ND
Site britânico do jornal The Guardian mencionou que mortos podem chegar a 20

 

O tiroteio que matou 13 pessoas em uma escola no Rio de Janeiro na manhã desta quinta-feira (7) foi notícia nos sites dos jornais internacionais.

O portal do britânico 'Guardian' colocou a notícia como manchete por volta das 11h, com o título 'Tiroteio em escola no Rio deixa até 20 crianças mortas'. Segundo a reportagem, assinada pelo correspondente do jornal no Rio, uma testemunha disse ter visto de 15 a 20 crianças mortas na escola Tasso da Silveira.

Os argentinos 'La Nación' e 'Clarín' também deram o principal destaque de seu site para o incidente. No primeiro, o título começa com a chamada: 'Terror no Rio'.

O espanhol 'El País' publicou a reportagem nesta manhã, informando que "Homem no Brasil mata 13 crianças, fere outros 22 e depois dá um tiro na cabeça". A rede árabe 'Al-Jazeera' também noticiou o tiroteio.

Tiroteio
Segundo a polícia, o atirador está incluído no total de mortos.

O atirador foi identificado pela polícia como Wellington Menezes de Oliveira, de 23 anos. Conhecido na escola por ser ex-aluno, ele teria entrado sob alegação de que iria fazer uma palestra. Segundo a polícia ele usou dois revólveres, que chegou a recarregar várias vezes. Ele deixou uma carta, mas não está claro o motivo do ataque.

Segundo a polícia, uma equipe da Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRV) passava próximo ao local e foi à escola depois de ver crianças correndo pela rua.

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade