Publicidade
Terça-Feira, 20 de Novembro de 2018
Descrição do tempo
  • 25º C
  • 16º C

Arcanjo atende duas ocorrências na Grande Florianópolis durante o feriado

Logo após socorrer um ciclista que colidiu contra um muro, em Palhoça, a equipe foi acionada para atender uma vítima de arrastamento seguido de afogamento

Redação ND
Florianópolis
01/05/2018 às 20H28

A equipe do helicóptero Arcanjo de Florianópolis teve um feriado do Dia do Trabalhador movimentado este ano. No início da tarde desta terça-feira (1º), às 13h20, o Arcanjo-01 foi acionado para o atendimento de uma colisão de um ciclista contra um muro, na rua Leopoldo Pierri, no bairro Passa Vinte, em Palhoça.

Vítima teve um corte na coxa esquerda e TCE leve - Batalhão de Operações Aéreas/Divulgação/ND
Vítima teve um corte na coxa esquerda e TCE leve - Batalhão de Operações Aéreas/Divulgação/ND


Um menino de 11 anos descia a rua em sua bicicleta, quando ficou sem freio, perdeu o controle e colidiu contra um muro. Ele teve um corte na coxa esquerda e traumatismo cranioencefálico leve. O primeiro atendimento foi feito pela guarnição da ambulância ASU da Palhoça. Após a estabilização do paciente, ele foi conduzido ao hospital infantil Joana de Gusmão, em Florianópolis.

Arrastamento seguido de afogamento

Por volta das 15h, logo após retornar para a base, o helicóptero foi acionado novamente. Dessa vez, para o atendimento de uma vítima de arrastamento seguido de afogamento na praia Brava, no Norte da Ilha, em Florianópolis. Quatro amigos entraram no mar e foram arrastados. Três deles conseguiram chegar até a areia, mas um jovem de 18 anos, teve dificuldades e aspirou e engoliu água.

Rapaz foi estabilizado e encaminhado para o hospital universitário - Batalhão de Operações Aéreas/Divulgação/ND
Rapaz foi estabilizado e encaminhado para o hospital universitário - Batalhão de Operações Aéreas/Divulgação/ND


A vítima foi retirada da água por um surfista uruguaio, que estava no local. Na faixa de areia, o rapaz recebeu o atendimento inicial dos guarda-vidas de plantão e de um médico que estava na praia. O rapaz foi vítima de afogamento grau 3 (os graus vão de 1 a 6). Quando a equipe do Arcanjo chegou, ele foi aquecido, estabilizado e encaminhado para o hospital universitário da UFSC (Universidade Federal de Santa Catarina).

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade