Publicidade
Quarta-Feira, 21 de Novembro de 2018
Descrição do tempo
  • 26º C
  • 17º C

Após megaciberataque, criminosos receberam R$ 18 mil em resgates

Vírus faz aparecer nas telas de computadores mensagens pedindo o pagamento de um resgate em bitcoins para reativar o sistema infectado

Folha de São Paulo
São Paulo (SP)
12/05/2017 às 18H19

RAPHAEL HERNANDES

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Os responsáveis pelo megaciberataque que derrubou sistemas de comunicação de diversos países nesta sexta-feira (12) receberam aproximadamente R$ 18 mil em pagamentos de resgate.

>> Megaciberataque derruba sistemas de comunicação ao redor do mundo

A reportagem conferiu os valores de transações recebidas nas carteiras de bitcoin listadas pelos criminosos no software "WannaCrypt0r" para receber os pagamentos. Até as 17h (de Brasília) desta sexta, as contas haviam recebido 17 transações, que totalizavam aproximadamente 3,45 bitcoins.

O bitcoin é uma moeda virtual, que pode ser comprada com dólares. Atualmente, segundo a empresa de câmbio itBit, um Bitcoin está cotado em aproximadamente U$ 1.700 (R$ 5.300).

Especialistas advertem que o pagamento do resgate deve ser evitado, já que não há garantias de que eles vão devolver o sistema "sequestrado" após a transação.

O vírus, do tipo "ransomware", faz aparecer nas telas de computadores mensagens pedindo o pagamento de um resgate em bitcoins para reativar o sistema infectado. Segundo especialistas, 74 países foram afetados.

Inicialmente, o ataque atingiu redes internas de diversas empresas da Espanha. No Reino Unido, os sistemas de tecnologia de hospitais públicos foram afetados.

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade