Publicidade
Sexta-Feira, 16 de Novembro de 2018
Descrição do tempo
  • 26º C
  • 19º C

Ao menos 46 imigrantes morrem após naufrágio na costa da Tunísia

A travessia para a Europa muitas vezes se dá da costa da Tunísia para a Sicília, na Itália

Folha de São Paulo
Brasil
03/06/2018 às 20H47

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Ao menos 46 imigrantes morreram neste domingo (3) no naufrágio de um barco na costa da Tunísia. Outras 67 pessoas foram resgatadas pela guarda costeira, segundo o Ministério do Interior do país.

Entre os imigrantes havia tunisianos e pessoas de outras nacionalidades africanas. A travessia para a Europa muitas vezes se dá da costa da Tunísia para a Sicília, na Itália.

Ainda neste domingo (3), o serviço de resgate marítimo da Espanha disse ter resgatado 240 imigrantes e que uma pessoa morreu tentando atravessar o mar Mediterrâneo vindos do norte da África.

O serviço declarou que as 240 pessoas estavam em 11 pequenos barcos resgatados entre sábado (2) e domingo.

Segundo as Nações Unidas, 660 pessoas morreram tentando atravessar o Mediterrâneo apenas neste ano. Nos primeiros quatro meses de 2018, mais de 22 mil imigrantes chegaram à costa europeia, sendo cerca de 4 mil pela Espanha.

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade