Publicidade
Quinta-Feira, 15 de Novembro de 2018
Descrição do tempo
  • 27º C
  • 20º C

Segunda etapa do circuito catarinense de surfe ocorre neste fim de semana em Florianópolis

Etapa da praia do Santinho vai distribuir 6.000 pontos no ranking estadual em dez categorias

Redação ND
Florianópolis
15/02/2018 às 21H49

A segunda etapa do Circuito Fecasurf SC QS 2018 acontecerá neste fim de semana (17 e 18 de fevereiro) na praia do Santinho, em Florianópolis. Surfistas de todas as idades vão se encontrar na costa norte da Ilha em busca de 6 mil pontos no ranking do circuito catarinense de surfe amador, nas dez categorias em disputa: Open, Master, Petiz, Infantil, Iniciantes, Mirim, Junior, Feminino Sub-12, Feminino Sub-16 e Feminino Open.

Ryan Campos é um dos surfistas da nova geração que estará no Santinho neste fim de semana - Divulgação/ND
Ryan Campos é um dos surfistas da nova geração que estará no Santinho neste fim de semana - Divulgação/ND



As inscrições estão abertas até amanhã e podem ser feitas pelo email fecasurf@fecasurf.com.br. A documentação necessária está disponível no site da Fecasurf (www.fecasurf.com.br). Excepcionalmente para esta etapa, a entidade não vai exigir filiação aos atletas.

Para Reiginaldo Ferreira, presidente da Fecasurf, Santa Catarina continua como referência no Brasil quando o assunto é revelar talentos. “Em 2017, a equipe catarinense conquistou pela quinta vez título de campeã brasileira por equipes com uma garotada formada em eventos amadores como esse que a Fecasurf realiza. Isso é um motivo de orgulho para nós”, ressaltou.

Promessas que desde cedo já buscam estruturação nas carreiras para chegar mais longe. É o caso do joinvilense Ryan Campos, de 12 anos. Como a cidade do Norte não tem praia, a família se mudou inteira para Itajaí no começo do ano, onde os treinamentos foram intensificados e seus pais assumiram a função de gestores, responsáveis por toda a retaguarda do atleta. “A escolha foi estratégica. O Ryan vai poder treinar todos os dias. Antes eram duas ou três vezes na semana e agora ele vai conviver com as ondas como parte da rotina dele”, afirma o pai Flávio Campos.

Algumas novidades foram implantadas neste ano no circuito. A principal delas é a utilização da placa de prioridade, semelhante às usadas em eventos profissionais no circuito mundial. Também nesta etapa está confirmado o retorno das categorias Open e Master.

Publicidade

0 Comentários

Publicidade

Escolha seu time

  • Chapecoense
  • Criciúma
  • Figueirense
  • JEC
  • Avaí
Publicidade