Publicidade
Terça-Feira, 25 de Setembro de 2018
Descrição do tempo
  • 26º C
  • 18º C

Gerard Piqué confirma aposentadoria da seleção espanhola

Campeão do mundo em 2010, jogador confirmou neste sábado que não pretende mais vestir a camisa do país

Folha de São Paulo
São Paulo
11/08/2018 às 16H00

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - Campeão do mundo em 2010, o zagueiro Gerard Piqué encerrou a trajetória na seleção espanhola. Em entrevista coletiva neste sábado (11) antes da final da Supercopa da Espanha, entre Barcelona e Sevilla, o defensor confirmou que não tem mais intenção de vestir a camisa do país.

Piqué revela grupo no WhatsApp com jogadores do Real Madrid (Foto: Divulgação / Barcelona) -
Piqué revela decisão de se aposentar da seleção espanhola (Foto: Divulgação / Barcelona)


"Falei com Luis Enrique [técnico da Espanha] há duas semanas. Disse a ele que minha decisão estava tomada. Foi uma etapa bonita na qual ganhei a Eurocopa e o Mundial, mas vou focar no Barcelona. Quantos mais anos eu ficar no Barça, melhor", afirmou o jogador.

Em 2016, Piqué já havia manifestado a intenção de se aposentar da seleção após a Copa do Mundo na Rússia. Na ocasião, o zagueiro antecipou o anúncio depois de ser vaiado pela própria torcida em partida contra a Albânia, pelas Eliminatórias europeias. O jogador é defensor da independência da Catalunha e se envolveu em diversas polêmicas com os torcedores espanhóis.

Com 31 anos, Gerard Piqué defendeu a seleção espanhola desde 2009. Neste período, ele conquistou a Copa do Mundo de 2010, na África do Sul, e a Eurocopa de 2012. Ele também disputou as Copas de 2014, no Brasil, e 2018, na Rússia.

Neste domingo (12), Luis Enrique é aguardado em Tânger, no Marrocos, para acompanhar a final da Supercopa. Ele fará no dia 31 de agosto a sua primeira convocação à frente da Roja, para jogos contra Inglaterra e Croácia, pela Liga das Nações da Uefa.

Publicidade

0 Comentários

Publicidade

Escolha seu time

  • Chapecoense
  • Criciúma
  • Figueirense
  • JEC
  • Avaí
Publicidade