Publicidade
Quinta-Feira, 15 de Novembro de 2018
Descrição do tempo
  • 27º C
  • 20º C

Lições da Liberta: os erros que o Fla não pode repetir contra o Corinthians

Derrota para o Cruzeiro por 2 a 0, no jogo de ida das oitavas da Libertadores, está "fresco na memória" do Rubro-Negro, que recebe o rival paulista pela semifinal da Copa do Brasil

LANCE!
Rio de Janeiro (RJ)

Everton Ribeiro é um dos principais nomes do Flamengo na temporada (Foto: Gilvan de Souza / Flamengo)
Everton Ribeiro é um dos principais nomes do Flamengo na temporada (Foto: Gilvan de Souza / Flamengo)


A derrota por 2 a 0 para o Cruzeiro, no Maracanã, foi dolorosa, mas pode servir de lição para o Flamengo na busca por títulos ainda nesta temporada. Contra o Corinthians, na quarta-feira, o Rubro-Negro abre a semifinal da Copa do Brasil como mandante e, para levar uma vantagem para a partida de volta, em São Paulo, não pode repetir os erros cometidos diante da Raposa há um mês.

O LANCE! reuniu algumas situações a serem observadas por Maurício Barbieri.

'PLANO B' PARA A AUSÊNCIA DE PAQUETÁ E/OU CUÉLLAR

O Flamengo trabalha com a possibilidade de contar com os "selecionáveis" para o jogo no Rio, mas a comissão técnica só saberá se Lucas Paquetá e Cuéllar têm condições de jogo nas primeiras horas de quarta, quando a dupla se reapresentará ao clube após disputarem amistosos pelas seleções de Brasil e Colômbia, respectivamente, nos Estados Unidos na terça-feira, véspera da semi.

Assim, é preciso que o treinador encontre alternativas para tais ausências. No duelo com o Cruzeiro, pelas oitavas da Libertadores, Paquetá estava suspenso e Barbieri escolheu Jean Lucas. A opção pelo garoto como substituto do meia não mostrou-se acertada. Desde então, o jovem não foi mais utilizado no Fla.

Jean Lucas apresentou certo nervosismo e errou lances simples nos minutos iniciais. Foi um reflexo do começo ruim do Flamengo na partida - o qual custou caro, com o Cruzeiro abrindo o placar, com Arrascaeta, aos nove minutos.

Para a função de Paquetá, Barbieri ganhou o "reforço" de Willian Arão, que voltou a ter boas atuações com a camisa do Flamengo. Caso Cuéllar não reúna condições de jogo, a situação é mais difícil. Piris da Motta, substituto natural do colombiano, não está inscrito na Copa do Brasil. Assim, Rômulo e Ronaldo são os nomes a serem testados, mas a dupla não vem tendo chances em 2018.

DESATENÇÃO DEFENSIVA

O gol de De Arrascaeta ao nove minutos irritou bastante o treinador do Fla. Afinal, como ele mesmo admitiu após a derrota para o Cruzeiro, foi em um lance estudado pela comissão técnica e passado aos atletas na preparação para o jogo. A desatenção deixou a Raposa confortável no Rio de Janeiro, podendo assumir uma postura mais defensiva e administrar a vantagem.

O Corinthians, por características do elenco e do novo treinador, Jair Ventura, pode adotar estratégia semelhante, fazendo com que o Flamengo redobrar a atenção nos minutos iniciais e busque minimizar os erros defensivos no jogo.

Quanto à formação da linha de defesa, Barbieri só tem dúvida na lateral-direita. Rodinei deixou a partida de sábado, contra a Chapecoense, com dores na coxa esquerda e é dúvida. Se não puder atuar, Pará será o titular ao lado de Réver, Léo Duarte e Renê.

Publicidade

0 Comentários

Publicidade

Escolha seu time

  • Chapecoense
  • Criciúma
  • Figueirense
  • JEC
  • Avaí
Publicidade