Publicidade
Quinta-Feira, 20 de Setembro de 2018
Descrição do tempo
  • 23º C
  • 18º C

Juntos, Cavani e Suárez têm mais gols do que toda a seleção francesa

Dupla de ataque do Uruguai balança mais as redes pelo seu país do que a jovem seleção que será adversária da Celeste nas quartas de final da Copa do Mundo, nesta sexta-feira

LANCE!
São Paulo (SP)

Não há dúvidas da importância de Luis Suárez e Edinson Cavani para o Uruguai, e os números da dupla de ataque em relação à França, adversária desta sexta-feira, pelas quartas de final da Copa do Mundo, expõem ainda mais. Os dois, juntos, fizeram mais gols com a camisa do país do que todos os jogadores somados da seleção que será oponente da Celeste.

De acordo com os números da Fifa, pelo Uruguai, Suárez acumula 53 gols (é o maior artilheiro da seleção na história) e Cavani, 45. Juntos, balançaram as redes 98 vezes pelo país sul-americano. Todos os 23 jogadores franceses levados pelo técnico Didier Deschamps para o Mundial na Rússia, por sua vez, acumulam 93 gols.

As estatísticas, obviamente, demonstram quão fundamentais e artilheiros são os dois responsáveis pelo ataque do time de Óscar Tabárez. Nesta Copa do Mundo, dos sete gols feitos pelo Uruguai, três foram de Cavani e dois de Suárez. Por conta disso, os franceses devem se preocupar, apesar das dores na panturrilha esquerda que tornam Cavani uma dúvida após balançar as redes duas vezes na vitória por 2 a 1 sobre Portugal, no sábado, pelas oitavas de final.

Na análise desses números, contudo, é importante pontuar a clara diferença de experiência entre a dupla uruguaia e a jovem França que está na Rússia. Cavani acumula 105 partidas pela seleção e Suárez, 102, estatísticas acima de todos os comandados de Deschamps, que tem como atleta com mais jogos pela seleção o goleiro Lloris, com 101 participações utilizando a camisa dos campeões do mundo de 1998.

A idade de Cavani e Suárez também supera quase todos os rivais de sexta-feira. Ambos têm 31 anos de idade (o atacante do Barcelona é de 24 de janeiro de 1987 e o do Paris Saint-Germain, 14 de fevereiro de 1987). Só quatro franceses são mais velhos: os goleiros Lloris (de 31 anos, mas nascido em 26 de dezembro de 1986) e Mandanda (33 anos), o zagueiro Rami (32 anos) e o atacante Giroud (de 31 anos, mas nascido em 30 de setembro de 1986).

Confira os números dos atacantes do Uruguai e dos franceses, segundo a Fifa:

Dupla de ataque uruguaia
Suárez - 53 gols (102 jogos) - 31 anos
Cavani - 45 gols (105 jogos) - 31 anos
Total: 98 gols

Seleção francesa
Lloris - 0 gol (101 jogos) - 31 anos
Pavard - 1 gol (9 jogos) - 22 anos
Varane - 2 gols (46 jogos) - 25 anos
Umtiti - 2 gols (22 jogos) - 24 anos
Hernandez - 0 gol (9 jogos) - 22 anos
Pogba - 9 gols (57 jogos) - 25 anos
Kante - 1 gol (28 jogos) - 27 anos
Tolisso - 0 gol (11 jogos) - 23 anos
Mbappe - 7 gols (19 jogos) - 19 anos
Griezmann - 22 gols (58 jogos) - 27 anos
Giroud - 31 gols (78 jogos) - 31 anos
Mandanda - 0 gol (28 jogos) - 33 anos
Areola - 0 gol (0 jogo) - 25 anos
Kimpembe - 0 gol (3 jogos) - 22 anos
Rami - 1 gol (35 jogos) - 32 anos
Sidibe - 1 gol (18 jogos) - 25 anos
Mendy - 0 gol (8 jogos) - 23 anos
Matuidi - 9 gols (70 jogos) - 31 anos
Nzonzi - 0 gol (6 jogos) - 29 anos
Lemar - 3 gols (13 jogos) - 22 anos
Dembele - 2 gols (15 jogos) - 21 anos
Fekir - 2 gols (16 jogos) - 24 anos
Thauvin - 0 gol (5 jogos) - 25 anos
Total: 93 gols

Publicidade

0 Comentários

Publicidade

Escolha seu time

  • Chapecoense
  • Criciúma
  • Figueirense
  • JEC
  • Avaí
Publicidade