Publicidade
Domingo, 23 de Setembro de 2018
Descrição do tempo
  • 27º C
  • 18º C

Florianópolis Futsal está fora da Liga Nacional pela primeira vez em 10 anos

Equipe da Capital não pagou última parcela de R$ 60 mil referente à taxa de convidado para jogar edição passada e não aparece na tabela atualizada na segunda-feira

Matheus Joffre
Florianópolis
28/03/2017 às 22H38

Pela primeira vez desde 2007, o Florianópolis Futsal está fora da Liga Nacional 2017. A equipe da Capital não conseguiu cumprir os prazos estipulados juntos com a organização do torneio para quitar os débitos referentes à disputa da edição do ano passado e foi excluída da competição, que começa nesta semana.

Floripa Futsal, do ala Guina, está em desvantagem na Liga Nacional - Flávio Tin/ND
Floripa Futsal, do ala Guina, está fora da Liga Nacional - Flávio Tin/ND



O Florianópolis vem passando por sérios problemas financeiros no início desta temporada. Nem mesmo a conquista do título de campeão catarinense no ano passado e ter chegado às quartas de final da última Liga garantiram a renovação dos patrocínios da equipe. Nesta segunda-feira (27), a organização da Liga atualizou a tabela de jogos sem a presença de Floripa e de Flores da Cunha-RS, que também deve ser excluída.

Segundo o presidente do Florianópolis, Valci Moreira, a dívida é de R$ 60 mil, referentes à última parcela da taxa para atuar como convidado, já que a equipe da Capital não tem uma franquia para jogar a Liga. “Nunca deixamos a Liga nas mãos, nunca deixamos de pagar. Já jogamos a Liga há dez anos e sempre honramos com nossos compromissos. Pedimos um pouco mais de prazo, que venceu no último dia 25, mas eles não nos deram”, lamentou o dirigente.

A estreia do Floripa estava marcada apenas para o dia 22 de abril contra o Erechim-RS, no interior gaúcho. Até o fim desta semana, Moreira ainda tentará arrumar os recursos para quitar a dívida com a Liga e tentar recuperar a vaga. “É difícil, mas estamos tentando alguns contatos com amigos empresários para tentar reverter isso ainda. Até sexta-feira devemos ter uma definição”, afirmou.

Até o momento, o único patrocinador de 2016 que renovou com o Floripa Futsal foi a construtora WOA. A prefeitura, que no ano passado ajudava com quase metade do montante através de convênio com a Fundação Municipal de Esportes, deve reduzir o repasse drasticamente com a nova gestão. O custo total do projeto elaborado pelo clube para jogar a Liga este ano é de R$ 800 mil, incluindo os valores da taxa de convidado e os salários de atletas e comissão técnica. “Estou desde dezembro correndo atrás de recursos para montarmos o time para este ano. Sabemos que o país todo está passando por dificuldades financeiras e o impacto é muito grande no esporte amador, para nós do futsal, mas vamos tentar até o fim”, garantiu Moreira.

Publicidade

0 Comentários

Publicidade

Escolha seu time

  • Chapecoense
  • Criciúma
  • Figueirense
  • JEC
  • Avaí
Publicidade