Publicidade
Domingo, 18 de Novembro de 2018
Descrição do tempo
  • 28º C
  • 21º C

Fla x Corinthians terá 1.600 agentes de segurança e ruas bloqueadas

Órgãos de segurança consideram a semifinal da Copa do Brasil, a ser disputada na quarta, no Maracanã, como "jogo de risco". Esquema de segurança foi divulgado em evento na Ferj

LANCE!
Rio de Janeiro (RJ)

Representantes da FERJ, Fla, GEPE, Controle Urbano da Cidade e Guarda Municipal em vento na Ferj ()F: Divulgação)
Representantes da FERJ, Fla, GEPE, Controle Urbano da Cidade e Guarda Municipal em vento na Ferj ()F: Divulgação)


A primeira partida da semifinal entre Flamengo e Corinthians, no Maracanã, é considerada como "um jogo de risco" e um esquema especial de segurança foi organizado e apresentado nesta segunda-feira pelos órgãos responsáveis, em evento na sede da Ferj. 1.600 agentes da Polícia Militar, Guarda Municipal e seguranças particulares atuarão dentro e no entorno do estádio nesta quarta, quando os rivais se enfrentam a partir das 21h45.

As quatro vias entorno do Maracanã estarão bloqueadas a partis das 19h: Rua Eurico Rabello e Oduvaldo Cozzi, Av. Maracanã e duas faixas da Radial Oeste. O pedido é para que moradores da região e torcedores priorizem o uso do metrô.

Como aconteceu recentemente em partidas da Libertadores e da Copa do Brasil, o sócio-torcedor do Flamengo não poderá acessar o estádio utilizando o cartão ingresso. Serão instalados bloqueios nas ruas ao redor do Maracanã, nos quais só será liberada a passagem do torcedor com o ingresso em mãos.

Sílvio Luiz, major do GEPE (Grupamento Especial de Policiamento em Estádio), explicou a decisão, lembrando que as experiências anteriores foram positivas.

- É um jogo considerado de risco, sem dúvida. Existe uma rivalidade grande entre as torcidas e é uma semifinal. Os jogos contra Cruzeiro, Grêmio e Emelec foram boas experiência para os ajustes necessários. O Flamengo tem atuado com um público grande e, até o momento, não constatamos nenhum movimento de invasão ou transtorno. Infelizmente não temos a garantia de que o cenário se repetirá. A proibição do cartão ingresso não é uma crítica ao programa do Flamengo, é apenas para melhorar a segurança por conta das pessoas mal-intencionadas que utilizam o programa - disse o Major Silvio Luiz.

São mais de 36 mil ingressos vendidos para a semifinal no Maracanã. O Setor Norte e o Maracanã Mais estão esgotados, mas as vendas seguem pela internet e nos pontos físicos: Gávea, Madureira, Nova América, Mérier, Quitanda, Maracanã e Downtown. Os pontos do Plaza Niterói, Botafogo Praia Shopping, Gramde Rio e Metrô Carioca são exclusivos para troca. Mais informações em: www.flamengo.com.br/ingressos .

Apenas 2.150 ingressos foram disponibilizados para a torcida do Corinthians. O gerente de operações do Flamengo, Severiano Braga explicou no evento na Ferj que o clube da Gávea cedeu ao adversário 5% da carga de ingresso - percentual recebido pelo Rubro-Negro nas últimas partidas na Arena do rival, em Itaquera.

Desta forma, os corintianos terão uma presença "tímida" em relação a outros confrontos importantes com o Flamengo - e outros clubes cariocas - no Rio de Janeiro. Além da oferta pequena de entradas, três torcidas organizadas do clube estão punidas e impedidas judicialmente de entrar no estádio por um ano por entrarem em confronto com policiais militares, em 2016, no Maracanã: Gaviões da Fiel, Coringão Chopp e Fiel Macabra. A torcida do Corinthians entrará exclusivamente pela Rua Eurico Rabello, que terá acesso restrito.

Publicidade

0 Comentários

Publicidade

Escolha seu time

  • Chapecoense
  • Criciúma
  • Figueirense
  • JEC
  • Avaí
Publicidade