Publicidade
Sábado, 22 de Julho de 2017
Descrição do tempo
  • 20º C
  • 13º C

Figueirense e Avaí empatam em 1 a 1 no clássico pela Primeira Liga

Furacão do Estreito abriu o placar com Índio ainda no primeiro tempo e Romulo deixou tudo igual na etapa final

Matheus Joffre
Florianópolis
20/04/2017 às 23H11

Figueirense e Avaí jogaram para 3.322 torcedores, nesta quinta-feira (20), no Orlando Scarpelli, no último clássico do ano, válido pela Primeira Liga. Após dois empates por 0 a 0 nos dois confrontos do Estadual, a dupla da Capital voltou a empatar, desta vez por 1 a 1. Índio abriu o placar para o Furacão no primeiro tempo e Romulo deixou tudo igual na etapa final.

 Com o resultado, Figueira e Avaí estão eliminados do torneio. Paraná e Londrina se classificaram.

Figueirense e Avaí voltaram a empatar no clássico - Cristiano Andujar/Folhapress
Índio (à dir.) e Romulo (atrás) marcaram os gols no clássico - Cristiano Andujar/Folhapress



Com a necessidade de vencer por pelo menos três gols, o Alvinegro dominou as ações no primeiro tempo. As principais jogadas do Figueirense passavam pelos pés de Yago. Aos 11, o meia cobrou falta na área e Dudu cabeceou com perigo sobre o gol. Quatro minutos depois, o camisa 27 voltou a ameaçar a meta azurra em chute forte rasteiro, mas Kozlinski fez a defesa.

Aos 31, Yago teve outra boa chance. O meia recebeu na entrada da área, após jogada de Índio pela esquerda, chutou forte, mas a bola explodiu em Betão e saiu para fora. Até que no fim do primeiro tempo, aos 44, Weldinho fez jogada rápida pela direita e chutou cruzado, Kozlinski soltou no meio da área e Índio apareceu para completar e fazer o primeiro gol dele como profissional: 1 a 0 para o Figueira.

No começo do segundo tempo, o jogo ficou paralisado por seis minutos devido à fumaça provocada pelos sinalizadores acesos pela torcida do Figueira. O Avaí voltou melhor para a segunda etapa e passou a buscar o gol de empate. Diego Jardel exigiu boa defesa de Thiago Rodrigues, aos 15. O Figueirense respondeu com Patrcik, que chutou colocado de fora da área e obrigou o goleiro avaiano a fazer grande intervenção. Aos 33, Marquinhos cobrou escanteio fechado na área e Romulo cabeceou para deixar tudo igual no marcador. No fim do jogo, aos 45, o Avaí ainda quase virou com Capa, mas Thiago Rodrigues salvou o Furacão. 

Ficha técnica 

Local: estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis. Gols: Índio (FIG), aos 44 do 1º tempo, e Romulo (AVA), aos 33 do 2º tempo. Amarelos: Alemão e Marquinhos (AVA) e João Pedro e Judson (FIG). Arbitragem: Anderson Daronco-RS, auxiliado por Carlos Berkenbrock-SC e Johnny Barros de Oliveira-SC. Público total: 3.322 torcedores. Renda: R$ 40.810.

Figueirense

Thiago Rodrigues; Weldinho (Matheusinho), Bruno Alves, Henrique Trevisan e Marlon; Patrick, Hélder, e Yago; Dudu, João Pedro (Ermel) e Índio (Gabriel Esteves). Técnico: Márcio Goiano.

Avaí

Kozlinski; Gustavo Santos, Betão, Alemão e Capa; Luan, Judson (Lourenço), Marquinhos (Caio César) e Diego Jardel (Devid); Junior Dutra e Romulo. Técnico: Claudinei Oliveira.

 

 

 

 

Publicidade

0 Comentários

Publicidade

Escolha seu time

  • Chapecoense
  • Criciúma
  • Figueirense
  • JEC
  • Avaí
Publicidade
Publicidade