Publicidade
Terça-Feira, 20 de Novembro de 2018
Descrição do tempo
  • 25º C
  • 16º C

Exposição em Florianópolis homenageia o centenário do Clube de Regatas Aldo Luz

Peças estarão abertas à visitação a partir desta terça-feira (21) no Beiramar Shopping, gratuitamente

Cristiano Rigo Dalcin
Florianópolis
20/08/2018 às 22H15

A partir de hoje o Beiramar Shopping sedia a exposição comemorativa aos cem anos do Clube de Regatas Aldo Luz, de Florianópolis. A mostra cultural faz parte dos festejos do centenário do clube, que será marcada pela realização do Desafio Volta à Ilha de Remo. Programado para os dias 24 e 25 de novembro, o Desafio será lançado oficialmente na quinta-feira (23), 19h, na exposição sediada no vão central do centro comercial.

No século passado, população acompanhava as regatas à beira-mar - Arquivo Clube Aldo Luz/ND
No século passado, população acompanhava as regatas à beira-mar - Arquivo Clube Aldo Luz/ND

De acordo com o curador da exposição e organizador do Desafio Volta à Ilha de Remo, André Dutra, mais de 50 remadores, em sistema de revezamento, irão contornar a Ilha de Santa Catarina a bordo de um barco especialmente fabricado para o evento. “Os barcos de remo modernos são finos e leves e não teriam condições de aguentar as condições de remo em mar aberto com ondas, por isso foi necessário fabricar outro”, explica Dutra.

O Desafio Volta à Ilha de Remo terá saída da ponte Hercílio Luz e dez pontos de parada para troca da tripulação do barco formada por quatro remadores e um timoneiro. O roteiro será definido uma semana antes do evento, com análise das condições de vento, que deverá indicar o percurso mais adequado para o contorno da Ilha. Segundo Dutra, após o desafio comemorativo ao centenário, a intenção é promover anualmente um duelo de barcos, já que outra embarcação semelhante será fabricada para a edição 2019. “Vamos colocar no calendário da Confederação Brasileiro de Remo para fazer um resgate da Volta à Ilha”, explica.

Já a exposição do shopping pretende antecipar o que será visto entre os dias 13 a 30 de setembro, em uma mostra cultural a ser sediada no Palácio Cruz e Souza, no Centro da Capital. Troféus, medalhas e embarcações do início do século 20 e barcos modernos estarão expostos. Uma das curiosidades é a primeira “amarelinha” do Brasil vitoriosa em competições internacionais, campeã sul-americana de remo em 1954.

No ano seguinte ao concurso nacional que definiu a camisa “canarinho” como uniforme da seleção brasileira, os remadores do clube representaram o Brasil no evento disputado no Rio de Janeiro. Na época, a CBD (Confederação Brasileira de Desportos) organizava todas as modalidades esportivas no Brasil.

Publicidade

0 Comentários

Publicidade

Escolha seu time

  • Chapecoense
  • Criciúma
  • Figueirense
  • JEC
  • Avaí
Publicidade