Publicidade
Quarta-Feira, 19 de Setembro de 2018
Descrição do tempo
  • 27º C
  • 17º C

Em lados opostos na tabela, Criciúma e Figueirense duelam nesta quinta, no Sul do Estado

Figueirense precisa da vitória para voltar ao G4 e se recuperar após derrota para Ponte Preta; Tigre quer os três pontos para sair do Z4

Redação ND
Florianópolis
04/07/2018 às 22H20
Abuda, à direita, luta por vaga na equipe - Luiz Henrique/Figueirense/divulgação
Abuda, à direita, luta por vaga na equipe - Luiz Henrique/Figueirense/divulgação


O Figueirense entra em campo nesta quinta-feira (5), às 21h, para encarar o Criciúma, em jogo da 14ª rodada da Série B. O time que vai a campo pode ter mudanças e o técnico Milton Cruz faz mistério em, pelo menos, três posições do time que vai a campo. O Tigre, por outro lado, está invicto dentro do Heriberto Hülse e luta para escapar do Z4.

Afora todo contexto histórico envolvendo dois dos maiores clubes de Santa Catarina, o jogo desta noite, no Sul do Estado, vale muito para as respectivas pretensões nesta Série B 2018.

O Figueirense, com um retrospecto superior a 60% longe dos seus domínios, precisa da recuperação depois de perder, dentro de casa, para Ponte Preta. A derrota, inclusive, custou à saída momentânea do G4 já que o Furacão caiu para 6ª posição com 21 pontos.

“Queremos nos manter na parte de cima da tabela e ficar entre os primeiros colocados. Nosso objetivo é terminar o turno entre os quatro primeiros”, projetou o técnico Milton Cruz, em entrevista concedida na tarde desta quarta (4).

Questionado sobre o time que vai ao campo, o comandante fez questão de deixar em aberto pelo menos três vagas. O único retorno certo é o de Gustavo Ferrareis, que cumpriu suspensão na última rodada.

Pelo Tricolor do Estado o ambiente é de respeito, porém, confiança. Na última rodada o time de Mazola Júnior bateu o São Bento, por 1 a 0 e, uma nova vitória nesta quinta, tira o time do Z4.

Ficha técnica:

Criciúma: Luiz; Sueliton, Nino, Fábio Ferreira e Marlon; Eduardo, Marlon Freitas, Luiz Fernando e Élvis; João Paulo e Vitor Feijão. Técnico: Mazola Júnior

Figueirense: Denis; Diego Renan, Nogueira, Cléberson e Lazaroni (João Paulo); Zé Antônio, Pereira (Matheus Sales), Maikon Leite, Renan Mota e Ferrareis; Henan (André Luis). Técnico: Milton Cruz.

Local: estádio Heriberto Hülse, em Criciúma; Data: 05/07/18; Hora: 21h

Arbitragem: Vinivius Furlan-SP; Herman Brumel Vani-SP e Luiz Alberto Andrini Nogueira-SP.

Publicidade

0 Comentários

Publicidade

Escolha seu time

  • Chapecoense
  • Criciúma
  • Figueirense
  • JEC
  • Avaí
Publicidade