Publicidade
Domingo, 17 de Fevereiro de 2019
Descrição do tempo
  • 27º C
  • 22º C

Criciúma vence o Marcílio Dias fora de casa pelo Campeonato Catarinense

Tigre bateu o Marcílio Dias, fora de casa, por 2 a 1 e ganhou a primeira na competição

Redação ND
Florianópolis
20/01/2019 às 19H44

Foi no sufoco, mas o Criciúma finalmente venceu a primeira no Campeonato Catarinense. Com gols de Sandro e Reis, o time comandando pelo técnico Doriva Bueno bateu o Marcílio Dias por 2 a 1, neste domingo, no estádio Hercílio Luz, em Itajaí, pela segunda rodada. Como vinha de derrota para o Figueirense na estreia, o elenco entrou em campo pressionado para buscar um bom resultado como visitante - Jonathas chegou a empatar para o time da casa.

Tigre venceu por 2 a 1 em Itajaí -
Tigre venceu por 2 a 1 em Itajaí -


Com o resultado, o Criciúma soma os primeiros três pontos, agora na quarta posição, atrás de Chapecoense, Avaí e do líder Figueirense. O Marcílio Dias, com a derrota, se afunda na lanterna, sem nenhum ponto conquistado. Nesta edição do Campeonato Catarinense, os quatro primeiros colocados avançam para a semifinal.

A bola nem rolou em Itajaí e o técnico Waguinho Dias já foi obrigado a mexer no Marcílio Dias. Com apenas três minutos, o lateral-direito Rodrigo Ferreira caiu no gramado com dores no músculo posterior da coxa e precisou ser substituído por Luiz Renan. Com 12 minutos saiu a primeira oportunidade de marcar. O experiente Maicon fez boa jogada pela direita, puxou para o meio e bateu com força, mas mandou muito longe.

Mais tarde, aos 18 minutos, o Criciúma conseguiu abrir o placar. Pedro Bortoluzo tentou achar espaço no meio de campo e acabou derrubado na intermediária. Na cobrança, Daniel Costa mandou com força para o gol e Tom espalmou. No rebote, Reis cruzou para a grande área, Nino escorou de cabeça e Sandro completou, de carrinho para o fundo das redes. O lance foi muito comemorado e tirou um peso das costas do elenco.

Com a vantagem, o Criciúma cresceu de produção, mas não conseguiu ampliar o resultado. A resposta do Marcílio Dias veio só no segundo tempo, aos 10 minutos. Jonathas recebeu um passe açucarado entre os zagueiros, dominou no peito e bateu firme, rasteiro, no cantinho do goleiro. O empate só aumentou ainda mais a pressão no jogo, principalmente para o time visitante, que demorou para "entrar no jogo".

Precisando do resultado diante do seu torcedor, o Marcílio Dias encontrou espaço para forçar uma pressão pra cima do Criciúma. Aos 27 minutos, Anderson Ligeiro passou fácil pela marcação de Maicon e encheu o pé, mas na rede pelo lado de fora. Depois, aos 29, foi a vez de Sabiá chamar a marcação, mas finalizar na trave Por fim, aos 30, novamente Anderson Ligeiro apareceu para arriscar o chute de longe, mas desta vez em cima da marcação.

Só que, como diz o ditado, o futebol é uma caixinha de surpresas Mesmo diante da pressão do Marcílio Dias, quem conseguiu balançar as redes foi o Criciúma. Aos 38 minutos, Reis pegou o rebote de um escanteio, aproveitou que a marcação estava desajustada e partiu pra cima. O atacante correu todo o campo, passou fácil por Jonathas e mandou um lindo chute no ângulo, sem a menor chance para Bruno Grassi. Um golaço em Itajaí, que definiu o placar final.

Publicidade

0 Comentários

Publicidade

Escolha seu time

  • Chapecoense
  • Criciúma
  • Figueirense
  • JEC
  • Avaí
Publicidade