Publicidade
Segunda-Feira, 12 de Novembro de 2018
Descrição do tempo
  • 28º C
  • 21º C

Com um a menos e diante do líder, Figueirense arranca empate com Fortaleza: 2 a 2

Furacão esteve atrás no placar duas vezes e, mesmo com um a menos, conseguiu empatar com o Fortaleza; time chega ao 4º jogo sem derrota

Diogo de Souza
Florianópolis
04/09/2018 às 23H41
Nogueira, ajoelhado, vibra com o gol marcado; 2 a 2 no Ceará - Stephan Eilert/AGIF/Folhapress
Nogueira, ajoelhado, vibra com o gol marcado; 2 a 2 no Ceará - Stephan Eilert/AGIF/Folhapress


O Figueirense foi até a Arena Castelão, no Ceará e arrancou empate diante do líder Fortaleza e se mantém na busca a uma vaga entre os quatro primeiros da competição. Com o resultado o time chegou aos 38 e se manteve na 6ª posição. O Fortaleza foi a 47, mas viu a diferença para o vice-líder cair para quatro pontos. Ambos a campo no sábado, às 16h30. O Figueira recebe o CSA, às 16h30. O Tricolor de Aço vai ao Sul do Estado e encara o Criciúma, no mesmo horário.

O Figueirense chegou embalado depois da vitória no clássico sobre o Avaí. O Furacão do Estreito até vinha de uma sequência negativa, mas os três pontos arrancados do Sul da Ilha deram outra roupagem para o time de Milton Cruz.

E esse embalo se confirmou. Na primeira etapa de partida até saiu atrás no placar. Aos 23’, um bonito gol: em jogada ensaiada na falta cobrada do lado esquerdo de ataque, Felipe bateu de “sem-pulo”, a bola resvalou ma defesa alvinegra e enganou Denis. 1 a 0 e festa para os mais de 15 mil pagantes na Arena Castelão.

O gol de empate não demorou. Diego Renan bateu escanteio do lado esquerdo e encontrou Ygor Nogueira, na segunda trave, testar para a rede de Marcelo Boeck. 1 a 1.

O time de Milton Cruz cresceu na partida. Aos 32’, o meia Gustavo Ferrareis fez jogada pela esquerda, passou pela marcação e bateu forte, para linda defesa de Marcelo Boeck.

Na volta do intervalo, “apagão” no alvinegro. Aos 11’, o castigo. Dodô cobrou falta do lado direito da grande área de defesa, a bola passou por Denis, bateu no travessão e, no retorno, bateu no peito de Matheus Sales. Gol contra e 2 a 1.

A situação complicou ainda mais dois minutos depois. Patrick, que havia entrado na vaga de Matheus Ribeiro na primeira etapa, tomou o segundo amarelo e foi expulso. O Fortaleza, mesmo com um a mais, se encolheu e o Figueirense aceitou. Aos 19’, Ferrareis mandou dentro da área e achou Cléberson que ganhou da zaga e cabeceou a esquerda de Boeck. Quase.

O empate heroico, chegou. Pelos pés do garçom Renan Mota que, depois de tabelar com Gustavo Ferrareis, cruzou na medida para Elton mandar para a rede e anotar seu primeiro tento com a camisa alvinegra. 2 a 2.

Os 20 minutos seguintes foram de pressão do time da casa. Milton Cruz ainda retirou o centroavante Elton, com câimbra, para o ingresso do zagueiro Trevisan.

Apesar de toda pressão, os catarinenses seguraram o empate e fizeram a festa na Arena Castelão.

 

Ficha técnica:

Fortaleza (2): Marcelo Boeck; Tinga, Diego Jussani, Ligger e Adalberto (Roger Carvalho); Felipe, Jean Patrick e Dodô; Marcinho, Marlon e Gustavo Henrique. Técnico: Rogério Ceni.

Figueirense (2): Denis; Matheus Ribeiro (Patrick), Cléberson, Nogueira e Diego Renan; Pereira, Matheus Sales, Lucas Marques e Renan Mota (Felipe Amorim); Ferrareis e Elton (Henrique Trevisan). Técnico: Milton Cruz.

Gols: Felipe (23/1T) e Ygor Nogueira (27/1T); Matheus Sales - contra (11/2T) e Elton (23/2T) 

Cartões amarelos: Diego Jussani, Felipe (FOR); Nogueira, Patrick (2x), Renan Mota (FIG).

Cartão vermelho: Patrick (FIG)

Arbitragem: Ronei Candido Alves (MG); Magno Arantes Lira (MG) e Luiz Antônio Barbosa (MG)

Local: Arena Castelão, em Fortaleza (CE); Data: 04/09/18.

Publicidade

0 Comentários

Publicidade

Escolha seu time

  • Chapecoense
  • Criciúma
  • Figueirense
  • JEC
  • Avaí
Publicidade