Publicidade
Segunda-Feira, 19 de Novembro de 2018
Descrição do tempo
  • 24º C
  • 18º C

Com time reserva, Grêmio sai na frente, mas cede empate à Chapecoense

Resultado deixou o Verdão do Oeste na 15ª posição com 17 pontos ganhos

Folha de São Paulo
São Paulo, SP
30/07/2018 às 08H26

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - Chapecoense e Grêmio ficaram no empate por 1 a 1, neste domingo (29), na Arena Condá. Em um jogo bastante movimentado, os reservas do time gaúcho abriram o placar logo no início, mas cederam a igualdade na segunda etapa. Pepê abriu o placar para os visitantes, e Elicarlos igualou. Com o resultado, a Chapecoense deixou a zona de rebaixamento.

 Chapecoense x Grêmio  -  Ricardo Luis Artifon/AGIF
Chape e Grêmio empataram por 1 a 1 - Ricardo Luis Artifon/AGIF


Visando o compromisso contra o Flamengo na próxima quarta-feira (1º) pela Copa do Brasil, Renato Gaúcho optou por poupar os titulares e escalou uma equipe alternativa, liderada por Marinho e Douglas –ambos atuando nos 11 iniciais pela primeira vez. A formação reserva saiu na frente, mas não conseguiu segurar o resultado.

O empate deixa o Grêmio com 27 pontos, na quarta colocação. A equipe ainda pode ser ultrapassada pelo Atlético-MG na sequência da rodada. A Chapecoense chega a 17 e deixa a zona de rebaixamento para ocupar a 15ª posição.

Na próxima rodada, o Grêmio recebe o Flamengo –mesmo adversário da próxima quarta pela Copa do Brasil– em Porto Alegre. Já a Chapecoense enfrenta o Sport, na Ilha do Retiro.

O Grêmio precisou apenas de dois minutos para abrir o placar na Arena Condá. Pepê escapou em velocidade, tabelou com Hernane e completou para o gol. Foi o primeiro gol do jovem de 21 anos na temporada.

Mesmo sem os principais jogadores, o Grêmio mostrou uma proposta de jogo sólida em Chapecó. A principal aposta do time de Renato Gaúcho era a velocidade pelas pontas, com Pepê e Marinho. Foi explorando a característica da dupla que a equipe visitante chegou com perigo. Pepê, depois de marcar no começo do jogo, recebeu uma grande oportunidade em jogada rápida de Marinho aos 32 minutos da etapa inicial, mas acabou furando na pequena área.

Se o primeiro tempo foi de bastante controle do Grêmio, o cenário mudou na segunda etapa. Com mais ímpeto ofensivo, a Chapecoense passou a controlar as ações e pressionou na volta do intervalo. A equipe foi recompensada com o gol de empate aos 16 minutos, com Elicarlos. O lance, porém, contou com reclamação dos visitantes por causa de um impedimento na origem da jogada.

Por muito pouco a Chapecoense não chegou à virada nos últimos minutos da partida. Aos 46 minutos do segundo tempo, Amaral finalizou de cabeça dentro da área e Paulo Victor fez grande defesa para impedir o segundo gol do time da casa.

Com o resultado, a Chapecoense chegou ao quinto jogo consecutivo sem vitória na competição –uma derrota (Botafogo) e quatro empates (contra Grêmio, Santos, Bahia e América-MG). A última vitória aconteceu em 9 de junho, diante do Cruzeiro.

Agora, as duas equipes voltam as atenções para a Copa do Brasil. O Grêmio recebe o Flamengo na próxima quarta-feira (1º), em Porto Alegre, pelo confronto de ida das quartas de final. Já a Chapecoense visita o Corinthians, em Itaquera. Curiosamente, no mesmo dia a equipe catarinense tem um amistoso contra o Torino e mandará um time alternativo à Itália.

FICHA TÉCNICA

CHAPECOENSE: Jandrei; Eduardo, Douglas, Nery, Bruno Pacheco; Elicarlos, Amaral, Yann; Osman, Bruno Silva, Wellington Paulista. T.: Gilson Kleina

GRÊMIO: Paulo Victor; Madson, Paulo Miranda, Bressan, Guilherme Guedes; Jailson, Thaciano, Douglas, Marinho, Pepê; Hernane. T.: Renato Gaúcho

Estádio: Arena Condá, em Chapecó (SC)

Juiz: Rodrigo Carvalhaes de Miranda (RJ)

Gols: Pepê, aos 2min do primeiro tempo (Grêmio); Elicarlos, aos 16min do segundo tempo (Chapecoense)

Publicidade

0 Comentários

Publicidade

Escolha seu time

  • Chapecoense
  • Criciúma
  • Figueirense
  • JEC
  • Avaí
Publicidade