Publicidade
Segunda-Feira, 19 de Novembro de 2018
Descrição do tempo
  • 24º C
  • 18º C

Chapecoense bate Inter de Lages por 2 a 1 e repete resultado de 2016

Em casa, a Chapecoense venceu o Inter de Lages por 2 a 1 e repetiu o resultado da estreia do Campeonato Catarinense de 2016, ano em que foi campeã

Lance!
Florianópolis
29/01/2017 às 20H05

Na primeira partida do Campeonato Catarinense na Arena Condá, Chapecoense recebeu o Inter de Lages. Em jogo rápido e disputado, o Verdão do Oeste venceu por 2 a 1, mesmo resultado da abertura do Estadual de 2016, quando também bateu o Inter. O próximo confronto da Chapecoense será quarta-feira, às 19h30, contra o Tubarão, no estádio Domingo Gonzales, no Sul do Estado. O Inter vai receber o Almirante Barroso, também na quarta-feira, às 20h30.

O primeiro gol do jogo saiu aos cinco minutos. Após contra-ataque de Neném, Rossi partiu com velocidade até a linha de fundo e cruzou para Niltinho, que finalizou a jogada. Com o gol, o Inter se lançou ao ataque em busca do empate.

Mas foi o Verdão quem comemorou. Após passe de Andrei, Wellington Paulista bateu no canto direito, sem chance para Neto impedir o segundo gol na Arena Condá.

Fora de casa, Avaí soma os primeiros pontos do ano na abertura do Catarinense 2017

Figueirense perde de virada para o Brusque na estreia do Catarinense e sai vaiado

No segundo tempo, o Inter começou a deixar menos espaço para a Chape e Enercino, que estava pressionando desde o primeiro tempo, deixou o dele aos 22 minutos. O camisa 10 do Inter recebeu passe e, de canhota, mandou a bola para o gol do rival, deixando o goleiro Artur sem ter o que fazer.

Aos 71 minutos, a partida foi paralisada para homenagem às vitímas do acidente com o avião que levava a delegação da Chapecoense para disputar a final da Copa Sul-americana. A torcida  no estádio cantou: "Vamos, vamos, Chape!". Nos minutos finais, o Inter ainda pressionou, mas o jogo terminou com vitória do Verdão.

 

FICHA TÉCNICA

Chapecoense 2

Artur Moraes; João Pedro, Douglas Grolli, Fabrício Bruno e Reinaldo; Amaral, Andrei Girotto (Nadson) e Neném; Niltinho (Osman), Rossi e   Wellington Paulista (Túlio de Melo). Técnico: Vagner Mancini.

Inter de Lages 1

Neto Volpi; Marcelinho, Fernando Belém, Renato Camilo e Jefinho; Bruno, Parrudo (Mateus Arence) (André Gava), Michel Schmöller e Enercino; Luizinho e Marquinhos (Higor Ganso). Técnico: Joel Cornelli.

Local: Arena Condá, em Chapecó. Gols: Niltinho aos 5 minutos e Wellington Paulista aos 41 do 1º tempo; Enercino aos 22 minutos do 2º tempo. Cartões amarelos: Michel Schmöller, Enercino e Marquinhos. Público: 8.293. Renda: R$ 107.795,00. Árbitro: Sandro Meira Ricci

 

JEC empata com Barroso

O Joinville estreou com um empate no Campeonato Catarinense. Jogando no gramado sintético do estádio Camilo Mussi, o Tricolor, que ontem completou 41 anos de história, empatou em 2 a 2 com o Almirante Barroso, em Itajaí. Na próxima rodada, o JEC vai receber o Figueirense na Arena, quarta-feira, às 21h45. Já o Barros irá a Lages, também na quarta-feira, para enfrentar o Inter.

Os quatro gols do jogo saíram no segundo tempo. Aos 4 minutos, Anderson Safira abriu o placar para os donos da casa. Aos 13, Aldair empatou, e aos 36 o zagueiro Max virou o jogo para o Tricolor. Mas aos 42, Robenval deixou tudo igual. “Sentimos bastante as dificuldades do campo. E apesar de pequenos erros de atenção que resultaram nos dois gols do adversário, fizemos uma boa partida, com boa movimentação”, disse o técnico do JEC, Fabinho Santos.

No outro jogo da primeira rodada, Metropolitano e Tubarão empataram sem gols em Blumenau. O placar zerado refletiu nas boas atuações dos goleiros Ricardo Vilar, do Metrô, e Jandrei, do Tubarão.

Publicidade

0 Comentários

Publicidade

Escolha seu time

  • Chapecoense
  • Criciúma
  • Figueirense
  • JEC
  • Avaí
Publicidade