Publicidade
Segunda-Feira, 19 de Novembro de 2018
Descrição do tempo
  • 24º C
  • 18º C

Cerimônia de abertura dos Jogos Abertos é realizada em Joaçaba

Atraso para o início dos Jasc prejudicou os 4.600 atletas inscritos, mas não inviabilizou a maior competição esportiva do Estado

Rafael Thomé
Florianópolis

Está acesa a pira olímpica da 55ª edição do Jasc (Jogos Abertos de Santa Catarina). A maior competição esportiva do Estado esteve ameaçada de cancelamento por irregularidades no repasse de verbas às cidades-sede, mas os 4.600 atletas, de 78 municípios, finalmente puderam realizar a cerimônia de abertura nesta quarta-feira (9) no Centro de Eventos da Unoesc, em Joaçaba. O atraso de um mês (a previsão era de início no dia 12 de novembro) prejudicou a preparação dos competidores, mas não impediu a realização do evento.

Divulgação
Carateca Douglas Brose é uma das estrelas dos Jogos Abertos deste ano


Durante nove dias serão disputadas 26 modalidades. “A expectativa é das melhores. Sabemos do empenho que o município teve para realizar os jogos em meio aos contratempos acumulados ao longo do ano, mas conseguimos oportunizar uma competição deste porte”, disse o coordenador geral do Jasc, Darcio de Saules. “Teremos estrelas, equipes de liga nacional e campeões pan-americanos”, completou.

Entre os destaques das competições está a delegação de artes marciais de Florianópolis, que conta com a presença do carateca Douglas Brose, medalhista de ouro nos Jogos Pan-Americanos de 2015, em Toronto (Canadá).

“Apesar das dificuldades, conseguimos nos superar. Florianópolis chega com uma delegação muito forte, com os atletas motivados, até porque a colocação no Jasc vai influenciar na hora de pleitear uma bolsa-atleta no ano que vem”, afirmou o superintendente da Fundação Municipal de Esportes, Dionei Bittencourt.

Mas não é só de atletas profissionais que se faz uma edição do Jasc. De acordo com o coordenador geral da competição, o intuito do evento é, também, congregar os municípios do Estado, independentemente do nível de competitividade.

“Temos diferentes níveis de participação, com equipes que vieram apenas participar e outras que vieram com projetos consagrados”, comentou Saules.

Criado em 1960, em Brusque, por pouco o Jasc não foi cancelado este ano. O atraso de um mês atrapalhou a preparação dos atletas, mas a delegação de Florianópolis avaliou positivamente as instalações finalizadas pouco antes do início das competições.

“Está satisfatório. O único problema é com relação à data, porque já está muito no fim do ano e ainda tem vestibular. Quatro atletas nossos terão que fazer um ‘bate-volta’ para prestar o vestibular da UFSC”, disse Bittencourt.

Floripa disputa primeiras colocações

Campeã em 2012 e terceira colocada em 2013 e 2014, a delegação de Florianópolis espera manter o desempenho neste ano e terminar as competições novamente entre os três primeiros na classificação geral. Para isso, conta com a força de seus atletas de alto rendimento.

“Nas modalidades individuais, além do Douglas Brose, temos favoritos no Tae-Kwon-Do e no Judô, no ciclismo e no xadrez masculino”, avaliou o superintendente da Fundação Municipal de Esportes.

Quando o assunto é modalidade coletiva, a Capital entra forte na disputa do futsal masculino, cujo equipe-base é o Floripa Futsal, e no remo.

Apesar de resultados pouco expressivos nos últimos anos, também existe a expectativa de que as equipes de voleibol masculina e feminina façam frente aos adversários.

“Há um trabalho de recomposição no feminino e uma reformulação no masculino. Podemos surpreender no vôlei e ficar entre os três melhores”, disse Bittencourt.

Se a intenção de Florianópolis é disputar a liderança do ranking geral, é bom abrir os olhos aos rivais, especialmente Itajaí, Joinville e Blumenau.

“Há três anos, Itajaí vem fazendo um trabalho grande, com bom investimento no esporte. Essa condição deve se refletir nos resultados e o município é um dos grandes favoritos no Jasc”, analisou o coordenador geral, Darcio de Saules.

Florianópolis no 1º dia de competições:

Ciclismo Cross Country
Complexo Esportivo Unoesc, em Joaçaba

Judô
Colégio Marista Frei Rogério, em Joaçaba

Natação
Clube 10 de Maio, em Joaçaba

Basquetebol feminino
Ginásio Municipal Oscarzão, em Herval d'Oeste
17h30min - Itajaí x Florianópolis

Futebol masculino
Estádio Municipal José Afonso D' Agostin, em Herval d'Oeste
15h30min - Seara x Florianópolis

Futsal masculino
Centro de Eventos da Unoesc
14h - Florianópolis x Canoinhas

Handebol feminino
Complexo Esportivo Unoesc, em Joaçaba
19h30min -  Criciúma x Florianópolis

Tênis masculino
Sede campestre do Clube 10 de Maio, em Joaçaba
16h30min - Joinville x Florianópolis

Tênis feminino
Clube Atlético Comercial, em Joaçaba
10h30min - Florianópolis x Camboriú 

Voleibol feminino

Ginásio Menino de Deus, em Joaçaba
18h - Florianópolis x Rio do Sul

Publicidade

0 Comentários

Publicidade

Escolha seu time

  • Chapecoense
  • Criciúma
  • Figueirense
  • JEC
  • Avaí
Publicidade