Publicidade
Quinta-Feira, 13 de Dezembro de 2018
Descrição do tempo
  • 32º C
  • 21º C

Avaí perde em casa, adia classificação e vê Fortaleza dar volta olímpica na Ressacada

Time de Rogério Ceni marcou um gol aos 48 do segundo tempo e se sagrou campeão da Série B 2018. Avaí, mesmo com a derrota, se manteve no G4 e agora terá que fazer pontos longe de casa

Diogo de Souza
Florianópolis
10/11/2018 às 19H36

O Avaí abusou das chances e acabou derrotado pelo Fortaleza, na tarde deste sábado (10), no estádio da Ressacada. Além de ver os adversários diretos encostarem na tabela, o Leão presenciou o título conquistado pelo time de Rogério Ceni. Com a derrota o time de Geninho se manteve no G4, estacionado em 57 pontos. O Fortaleza chegou a 66 e garantiu, matematicamente, o título da Série B 2018.

Avaí x Forrtaleza, pela Série B 2018 - Fred Tadeu/Avaí FC/divulgação
Avaí x Forrtaleza, pela Série B 2018 - Fred Tadeu/Avaí FC/divulgação

Ninguém imaginou que seria fácil, mas talvez não fosse esperada tanta dificuldade. Apesar do time de Rogério Ceni ter sido escalado com seis desfalques, o Leão da Ilha teve grande dificuldade para furar a defesa tricolor.

Pior que isso, além de esbarrar na boa marcação do Fortaleza, sentiu a falta de um “cérebro” e viu o adversário chegar mais perto do gol. Escanteio cobrado do lado esquerdo onde Bruno Melo subiu mais alto e mandou a bola no travessão. Quase.

A resposta – e a possibilidade do gol – veio nos pés de Getúlio. Na primeira oportunidade o camisa 99 recebeu passe de Matheus Barbosa e, de frente para o gol, parou no goleiro Max Halef, um dos reservas de Ceni nesta tarde.

Na volta do intervalo o time do Avaí melhorou. Com o mesmo time, Geninho subiu a marcação das linhas e apertou a saída do Fortaleza. A mudança surtiu efeito. Aos 5’, em rápida trama de ataque, a bola parou em Renato que mandou para o gol e a bola saiu a esquerda do gol de Max. Muito perto.

As chances foram acontecendo dos dois lados e, na melhor delas, aos 28’ Getúlio, mais uma vez, parou em Max Wallef. Jogada de Rodrigão pela esquerda e a bola chegou em Getúlio, de primeira, mandou em cima do goleiro. Incrível.

O Fortaleza deu resposta em dose dupla: escanteio batido do lado direito e Ligger recebeu sozinho e mandou no pé da trave antes da defesa azurra cortar para linha de fundo. Em novo escanteio Ligger, mais uma vez, que agora parou em Kozlinski. Linda defesa.

Dos 30 minutos, em diante, o jogo perdeu em chances e ganhou em catimba. Cientes de que o empate resultaria em taça, o time do Ceará travou o jogo com queda frequente dos atletas. 

O final do jogo reservou a tragédia para o Leão da Ilha. Contra-ataque mortal puxado pelo Fortaleza onde Rodolfo passou por Judson e mandou no canto esquerdo de Kozlinski. Festa e título em Tricolor. Lamento e consternação em azurra.

O Avaí faz seu penúltimo jogo na Série B contra o CSA, no próximo sábado, em Alagoas. O Fortaleza se despede do torcedor um pouco antes, na quinta-feira (15), contra o rebaixado Juventude.

Ficha técnica:

Avaí (0): Kozlinski; Guga, Airton, Marquinhos Silva e Igor Fernandes (Capa); Judson, Matheus Barbosa e Pedro Castro (Moritz); Renato, Rodrigão e Getúlio (Daniel Amorim). Técnico: Geninho.

Fortaleza (1): Max Walef; Tinga, Roger Carvalho, Ligger e Bruno Melo; Derley, Nenê Bonilha, Marlon (Rodolfo), Romarinho (Marcinho) e Wilson; Ederson (Igor Henrique). Técnico: Rogério Ceni.

Gols: Rodolfo (48/2T)

Cartões amarelos: Igor Fernandes, Capa, Matheus Barbosa, Moritz (AVA); Ligger, Roger Carvalho, Derley (FOR).

Arbitragem: Wagner do Nascimento Magalhões-RJ; Rodrigo Figueiredo Henrique Corrêa-RJ e Carlos Henrique Alves de Lima Filho-RJ.

Local: estádio da Ressacada, em Florianópolis Data: 10/11/2018

Publicidade

1 Comentário

Publicidade

Escolha seu time

  • Chapecoense
  • Criciúma
  • Figueirense
  • JEC
  • Avaí
Publicidade