Publicidade
Terça-Feira, 11 de Dezembro de 2018
Descrição do tempo
  • 30º C
  • 20º C

Avaí é vice-campeão da Série B do Brasileirão com empate diante do Brasil de Pelotas

Com o apoio de mais de 15 mil torcedores, o Leão da Ilha saiu atrás do placar e buscou o empate em uma jogada ensaiada

Michael Gonçalves
Florianópolis
26/11/2016 às 20H23

Em clima de festa pelo acesso antecipado à Série A do Brasileirão, o Avaí empatou com o Brasil de Pelotas em 1 a 1, neste sábado (26), na Ressacada, em Florianópolis, pela 38ª e última rodada da Série B. Com o apoio de mais de 15 mil torcedores, o Leão da Ilha saiu atrás no placar e buscou o empate em uma jogada ensaiada. A partida também teve um lado solidário para o meia Renanzinho, que continua hospitalizado com um tumor no cérebro, com a arrecadação de doações e parte da renda para a compra de uma casa. Com o fim da rodada, Atlético-GO ficou com o primeiro lugar da série B e Vasco e Bahia também subiram para a série A.  

A equipe gaúcha foi melhor no primeiro tempo e chegou mais vezes ao gol. A grande defesa deste período foi aos 22 minutos. O centroavante Nathan recebeu na grande área e chutou na gaveta, para a incrível defesa do goleiro Renan, mas a assistente já havia assinalado impedimento.

Avaí joga contra o Brasil de Pelotas - Rafaela Martins/MafaldaPress
Avaí empatou contra o Brasil de Pelotas e ficou como vice-campeão da Série B - Rafaela Martins/MafaldaPress



O Avaí teve uma chance aos sete minutos, mas Marquinhos cobrou a falta sobre o gol de Eduardo Martini. A melhor oportunidade do time azurra foi aos 40 minutos. Após o escanteio cobrado pelo Brasil de Pelotas, o goleiro Renan afastou de soco. Capa partiu no contra-ataque e na linha de fundo cruzou para Willian, mas o lateral Weldinho cabeceou para escanteio.

Na etapa final, o Brasil continuou mandando na partida. Nos primeiros minutos, Diogo Oliveira chutou da intermediária para mais uma grande defesa de Renan. Aos seis minutos, o lateral Marlon fez jogada pela esquerda e cruzou para a pequena área. O centroavante Nathan desviou para o atacante Ramon completar para o gol vazio.

O técnico avaiano Claudinei Oliveira fez duas substituições ao mesmo tempo. Rômulo entrou no lugar de Willian e Judson na vaga de João Felipe. Aos 19, o Avaí empatou em lance de escanteio. Marquinhos rolou na entrada da grande área, Diogo Jardel bateu no cantinho, Eduardo Martini rebateu e Rômulo empurrou para o fundo da rede.

O Avaí entrou na partida após o gol e teve a chance de virar aos 26. Diego Jardel chutou rasteiro no cantinho e o goleiro Eduardo Martini salvou o time gaúcho. O Brasil também teve uma opprtunidade de sair vitorioso, mas Diogo Oliveira errou o chute e a bola saiu pela linha de fundo.

Ficha técnica

Local: estádio da Ressacada, em Florianópolis. Data: 26/11/2016. Horário: 17h30. Arbitragem: Renan Roberto de Souza-PB, auxiliado por José Carlos Oliveira dos Santos-BA e Sandra Maria Dawies-PR.

Avaí: Renan; Alemão, Fábio Sanches, Betão, Capa; Luan, João Filipe (Judson), Renato, Diego Jardel, Marquinhos (Toshi); William (Rômulo). Técnico: Claudinei Oliveira.

Brasil de Pelotas: Eduardo Martini; Weldinho, Evaldo (Cirilo), Teco e Marlon; Leandro Leite, Washington, Felipe Garcia, Diogo Oliveira Marcão) e Nathan (Gustavo Papa); Ramon. Técnico: Rogério Zimmermann.

Gols: Todos no 2T. 6’ Ramon (B). 19’ Rômulo (A).

Amarelos: Evaldo, Leandro Leite e Washington (B), Fábio Sanches, Renato e Rômulo (A).

Renda: R$ 208.208

Público pagante: 10.514

Público total: 15.564

Publicidade

0 Comentários

Publicidade

Escolha seu time

  • Chapecoense
  • Criciúma
  • Figueirense
  • JEC
  • Avaí
Publicidade