Publicidade
Quarta-Feira, 26 de Setembro de 2018
Descrição do tempo
  • 25º C
  • 19º C

Avaí deixa frustração do clássico para trás, vence mais uma e segue no G4 da Série B

Leão da Ilha bateu o CRB por 1 a 0, gol do contestado Pedro Castro; Time chega a vice-liderança da competição por pontos

Diogo de Souza
Florianópolis
04/09/2018 às 21H15

O Avaí mostrou que o clássico ficou para trás, bateu o CRB e o vento Sul nessa noite de terça-feira (4), no estádio da Ressacada e chegou a 3ª posição na Série B. O Leão da Ilha chegou aos 42 pontos, os mesmos do vice-líder Goiás que tem vantagem nos critérios. O CRB se manteve com 28, na briga contra o Z4. 

O Avaí precisava mostrar, em campo, que a derrota para o maior rival foi dolorida, mas apenas um ponto fora da curva. Entrou em campo sabendo que, teria o apoio do torcedor, mas também ciente que a paciência teria um limite bem curto.

Os primeiros movimentos reiteraram essa condição. O Leão da Ilha tinha a bola, mas esbarrava na ineficiência do último passe. O CRB, apesar da postura retraída, foi mais perigoso que o dono da casa. Os heroicos adeptos em noite de vento Sul na capital, já manifestavam seus primeiros ruídos com pouco mais de 20’. O colorado alagoano, embora sem a bola, levara mais perigo.

Um estreante surgiu como a grata surpresa dos primeiros minutos. Gabriel Lima, que entrou no clássico contra o Figueirense, começou sua primeira partida oficial com o manto azurra. E foi bem. Insinuante, levou vantagem em todas as jogadas individuais que tentou em cima do lado esquerdo de defesa do CRB.

Apesar do substituto do meia Renato não protagonizar o principal lance, foi pela direita que nasceu o gol avaiano. Aos 34’, Matheus Barbosa encontrou Guga nas costas da marcação. O lateral dominou e rolou para Pedro Castro que bateu de primeira, parou no goleiro, mas aproveitou o rebote e na segunda tentativa mandou para rede: 1 a 0 e festa da torcida na Ressacada.

Pedro Castro (mãos para o alto), comemora o gol do Avaí sobre o CRB - Fernando Remor/Ofotográfico/Folhapress
Pedro Castro (mãos para o alto), comemora o gol do Avaí sobre o CRB - Fernando Remor/Ofotográfico/Folhapress

O gol tirou um peso do time de Geninho que passou a errar menos.

Na segunda etapa, a favor do vento, a situação que já era boa ficou melhor. Ao menos, em tese. Com bola rolando, não foi bem assim. Aos 7’, Marcelo recebeu um passe sozinho, dentro da pequena área, bater para defesa de Aranha. No rebote, o mesmo Marcelo e o mesmo Aranha. Duas grandes intervenções.

Aos poucos, no entanto, o Leão foi retomando as rédeas do jogo. Geninho promoveu mais estreia: Daniel Amorim, o centroavante com mais de 1,90m, na vaga do paraguaio Guilhermo Beltrán.

A mudança não surtiu efeito e o CRB voltou a crescer. Neto Baiano, em falta do lado esquero de ataque, mandou no ângulo para mais uma linda defesa de Aranha que se consolidara, aquela altura, como melhor da noite. 

Apesar dos sustos, o árbitro apitou para muita festa dos 3.250 presentes. 

=

A 26ª rodada já acontece no feriado (7) para ambos. O Avaí, em Belém, encara o Paysandu, na Curuzu. O CRB recebe o Guarani, no estádio Rei Pelé.

Ficha técnica:

Avaí: Aranha; Guga, Airton, Betão e Capa; Judson, Matheus Barbosa e Pedro Castro; Gabriel Lima, Beltrán (Daniel Amorim) e Romulo (Marquinhos Silva). Técnico: Geninho.

CRB: João Carlos; Diogo, Éverton Sena, Anderson e Paulinho; Claudinei, Tinga (Leílson), Édson Ratinho (Willians), Marcelo e Iago; Neto Baiano. Técnico: Doriva.

Gol: Pedro Castro (34/1T)

Cartões Amarelos: Gabriel Lima(AVA); Anderson, Marcelo, Iago (CRB)

Arbitragem: Jefferson Ferreira de Moraes (GO); Cristhian Passos Sorence (GO) e Leone Carvalho Rocha (GO).

Local: estádio da Ressacada, em Florianópolis (SC). Data: 04/09/18

Público e renda: Foram 3.250 torcedores para uma renda de: R$65.626,00

Publicidade

0 Comentários

Publicidade

Escolha seu time

  • Chapecoense
  • Criciúma
  • Figueirense
  • JEC
  • Avaí
Publicidade