Publicidade
Segunda-Feira, 24 de Setembro de 2018
Descrição do tempo
  • 28º C
  • 19º C

Alisson elogia atuação do Brasil diante dos EUA: 'Belo teste'

Goleiro falou sobre a linha defensiva, que saiu sem levar nenhum gol, a presença de Fabinho na lateral-direita e destacou a habilidade de Neymar, novo capitão da Seleção

LANCE!
Nova Jersey (EUA)

Lucas Figueiredo/CBF
Lucas Figueiredo/CBF


O novo ciclo começou com a vitória: apesar de Tite manter o trabalho que vem ocorrendo desde a última Copa do Mundo, a remodelada Seleção Brasileira venceu, nesta sexta-feira, os Estados Unidos por 2 a 0, no MetLife Stadium, em Nova Jersey. Após o apito final, Alisson falou, ao "SporTV", sobre o duelo.

- Dentro do possível a gente conseguiu fazer um belo trabalho aqui dentro. O gramado não ajuda muito nosso tipo de jogo, mas a gente conseguiu trabalhar bem a bola contra uma equipe que tentou pressionar a gente. Acho que foi um belo teste pra gente nessa preparação para a Copa América - disse.

Para um goleiro, é sempre uma 'vitória à parte' sair de uma partida sem levar nenhum gol. Alisson destacou a importância do feito, mas também elogiou demais a linha defensiva do Brasil, que contou inicialmente com Fabinho, Thiago Silva, Marquinhos e Filipe Luís.

- Todos da linha de quatro foram bem. O Fabinho jogando numa função que ele não está mais acostumado a jogar, no Liverpool ele vem jogando mais de meio-campo e hoje foi muito bem na partida, cavando pênalti, ajudando na marcação. Todo o nosso sistema defensivo é sempre muito consistente, hoje a gente fez mais uma partida sem sofrer gols - afirmou.

Sobre Fabinho, seu companheiro no Liverpool, os elogios foram ainda mais intensos. O goleiro destacou a atuação do atleta de 24 anos, que jogou como lateral-direita, sua posição de origem no futebol, mas uma função que ele não fazia há muito tempo, já que passou a atuar na região do meio-campo em sua passagem pelo Monaco, na França.

- Aos poucos a gente vai começando a voltar com a cara da Seleção, voltar com a nossa pegada. A maioria está no início de temporada, com apenas quatro jogos pelos seus clubes. Pouco a pouco vamos voltando em um ritmo forte e tenho certeza que estaremos muito bem na Copa América - falou.

Uma grandes novidades para esse ciclo é que Neymar será o capitão fixo da equipe, dando fim ao rodízio da braçadeira que Tite exerceu durante todo o tempo que esteve à frente da canarinho. Alisson elogiou a presença do camisa 10 na partida nos Estados Unidos.

- Ele foi muito bem. O Neymar tem o respaldo de toda a comissão técnica, de todos os jogadores, tem todo o nosso respeito. É um líder técnico, acima de tudo. E ele tem que sempre puxar para esse lado, porque ele tecnicamente é fora de série, com certeza vai ser melhor do mundo dentro de pouco tempo. Ele tem que focar muito nisso e com certeza vai nos representar muito bem como capitão - finalizou.

Publicidade

0 Comentários

Publicidade

Escolha seu time

  • Chapecoense
  • Criciúma
  • Figueirense
  • JEC
  • Avaí
Publicidade