Publicidade
Terça-Feira, 25 de Setembro de 2018
Descrição do tempo
  • 26º C
  • 18º C

Focus Fastback chega com visual renovado e nova identidade

Com preço a partir de R$ 77.900, versão sedã do modelo da Ford quer ganhar espaço entre os modelos médios

Luis Meneghim
Florianópolis
Divulgação/ND
Grade frontal e faróis afilados dão um ar mais jovial ao Focus Fastback


Um mês depois da apresentação da versão hatch a Ford lança o Focus sedã 2016. Fabricado na Argentina e com vendas previstas para agosto, o modelo foi batizado de Focus Fastback, proposto pelo marketing da empresa para sair do feijão-com-arroz do segmento de três volumes no Brasil, liderado pelos modelos japoneses. O “sobrenome” foi adotado pelo formato do caimento do teto que imita o esportivo Mustang. Mais equipado, com visual renovado e tecnologia embarcada, o sedã custa a partir de R$ 77.900.

A principal novidade estética é a grade dianteira, que a exemplo do Focus hatch, mantém a identidade mundial da Ford, assim como o Fusion e o novo Ka. As entradas de ar dianteiras são maiores e mais largas e os faróis mais longos e afilados.

Em termos de dimensões, o Focus Fastback continua igual à versão anterior: 4,53 metros de comprimento, com 2,01 m de largura e 1,257 m de altura. Na traseira, novas lanternas e para-choque remodelado. As rodas foram redesenhadas, ficaram mais esportivas, com desenho exclusivo para cada configuração.

O acabamento interno, denominado “soft-touch”, agrada aos olhos e oferece conforto e boa ergonomia para o motorista e passageiros. O volante multifuncional é revestido em couro. No centro do painel está uma tela de LCD de 4,2 ou 8 polegadas – o tamanho varia de acordo com a configuração. Junto com a nova estética o modelo incorpora uma maior gama de cores para a carroceria. No total, são nove opções – duas variantes de azul, dois pratas, dois cinzas, vermelho, preto e branco.

Mais equipado e motor 2.0

Para se destacar dos concorrentes, o Focus Fastback ficou mais equipado, a partir da versão de entrada SE, que traz airbag duplo, controle de estabilidade e tração, assistente de partida em rampa, monitoramento de pressão dos pneus, assistência de frenagem de emergência, freios ABS e EBD, além de assistente preventivo antiderrapagem. A conectividade está presente por meio do sistema Sync com Applink acoplado à tela de 4,2 polegadas. A versão Titanium é a topo de linha, que traz mais equipamentos, mas o preço cresce para R$ 87.900. Já a versão Focus Fastback Titanium Plus, com park-assist (sistema que estaciona o carro sozinho) e teto solar, sai por R$ 96.900.

Sob o capô a versão sedã do Focus não traz mudanças em relação ao modelo antigo. O conjunto mecânico é o mesmo. O três volumes vem equipado com o motor 2.0 Duratec Flex com injeção direta de combustível, capaz de produzir 175/178 cv de potência. A transmissão é automatizada PowerShift de dupla embreagem e seis velocidades. Os ajustes no motor tornaram o carro mais econômico, segundo a Ford: 8,2% quando abastecido com gasolina.

Visual desperta atenção

O conservadorismo é a regra no segmento dos sedãs. A carroceria de três volumes não permite que os designers abusem da criatividade. No caso do novo Focus a solução foi mexer no caimento do teto, garantindo um toque de esportividade para o automóvel. A linha entre o vidro traseiro e a tampa do porta-malas não tem “quebra” e diferencia dos demais concorrentes, incluindo os “quadradões” Toyota Corolla, Honda Civic, Nissan Sentra, entre outros. O resultado agradou e serviu de argumento do marketing para comparar o Focus ao esportivo Mustang, um ícone da Ford.

Mas a grade frontal do novo Focus – tanto o hatch como o Fastback – é que chama a atenção, graças ao “bocão” que já está presente no Fusion e no novo Ka. As entradas de ar grandes conferem um ar jovial ao modelo que, junto com os novos faróis afilados, formam um belo conjunto.


FICHA TÉCNICA
Versões, itens de série e preços

SE: rodas de liga leve aro 17, duplo airbag, sistema Advance Trac (controle de estabilidade, tração e curvas, assistente de partida em rampa, assistente preventivo antiderrapagem, monitoramento de pressão dos pneus e assistência de frenagem de emergência), freio a disco nas quatro rodas com ABS e EBD, faróis de neblina, acendimento automático dos faróis, espelho retrovisor eletrocrômico, sensor de chuva, chave programável MyKey e sistema de conectividade SYNC com AppLink e Assistência de Emergência. Preço: R$ 77.900.

SE Plus: acrescenta rodas de liga leve aro 17 exclusivas, quatro airbags (frontais e laterais), bancos revestidos em couro, sensor de estacionamento traseiro, “Paddle Shift”, controle de velocidade de cruzeiro, limitador de velocidade e ar-condicionado de dupla zona. Preço: R$ 79.900.

Titanium: rodas de liga leve 17” exclusivas, seis airbags (frontais, laterais e de cortina), chave com sensor de presença para acesso inteligente e botão de partida Ford Power, sistema de conectividade SYNC MyFord Touch com tela sensível ao toque de 8”, tela multifuncional colorida de 4,2” no painel de instrumentos, sistema de navegação e Premium Sound Sony com nove alto-falantes. Preço: R$ 87.900.

Titanium Plus: assistente de frenagem autônomo, faróis bi-xenon adaptativos, sistema de estacionamento automático em vagas paralelas e perpendiculares, sensor de estacionamento dianteiro, espelhos com rebatimento elétrico, banco do motorista com ajuste elétrico e teto solar. Preço: R$ 96.900.

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade