Publicidade
Sábado, 22 de Setembro de 2018
Descrição do tempo
  • 27º C
  • 18º C

A sociedade da Grande Florianópolis, os eventos culturais e as tradições da região analisadas pelo experiente jornalista Marcos Cardoso.

  • Projeto candidatará samba de gafieira a Patrimônio Cultural Imaterial da Humanidade

    Iniciativa do professor de dança de salão Alexandre Melo, de Florianópolis, e do dançarino carioca Carlinhos de Jesus, uma pesquisa está colhendo subsídios para o projeto que candidata o samba de gafieira a Patrimônio Cultural Imaterial da Humanidade. O documento será apresentado ao Iphan (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional) e, se ele o chancelar, encaminhado à Unesco (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura), que é quem aprova.

    Na lista representativa da Unesco no Brasil o samba já aparece, mas o de roda no Recôncavo Baiano. Segundo Alexandre, Santa Catarina – o Estado que se declara o mais branco do país – tem muito a colaborar, pois a manifestação cultural por aqui também é histórica, porém, com poucos registros. A coleta de assinaturas pleiteando o reconhecimento logo estará disponibilizada via online.

    Bruna Fernandes e Guillerme Lima - GABRIEL SCHMIDT/ELECTRO PHOTO/DIVULGAÇÃO/ND
    FOTO: GABRIEL SCHMIDT/ELECTRO PHOTO/DIVULGAÇÃO/ND



    Leia mais
  • Retrô: Neide Mariarrosa fez sucesso nas rádios do Brasil entre os anos de 1950-1970

    Cantora Neide Mariarrosa, nossa rainha do rádio que fez sucesso pelo Brasil entre os anos de 1950-1970, morreu em 4 de setembro de 1994, aos 58 anos, vítima de câncer de mama e nos ossos. Seu primeiro e único LP, “Eu Sou Assim”, com composições de autores locais, foi gravado há 30 anos a convite da Fundação Cultural de Florianópolis Franklin Cascaes.

    Neide Mariarrosa - CASA DA MEMÓRIA/FCFFC/DIVULGAÇÃO/ND
    Neide Mariarrosa - CASA DA MEMÓRIA/FCFFC/DIVULGAÇÃO/ND



  • Músicos deficientes visuais apresentam show para plateia vendada

    O duo A Corda em Si, formado por Mateus Costa (contrabaixista, compositor e arranjador) e Fernanda Rosa (cantora e compositora), ambos deficientes visuais, apresentam o show “LivreMente” no projeto TAC 8 em Ponto, neste dia 17, no Teatro Álvaro de Carvalho. O inusitado desta concepção artística é que o público entra de olhos vendados e tudo se desenrola no escuro, com um locutor fazendo a audiodescrição do que ocorre, como a exibição de uma bailarina. Mas, será que ela está mesmo ali? Em seguida haverá um bate-papo sobre o que realmente foi ao palco.

    Mateus Costa e Fernanda Rosa - DIVULGAÇÃO/ND
    Mateus Costa e Fernanda Rosa - DIVULGAÇÃO/ND

  • Escritora de Florianópolis lança livro de crônicas nos Açores

    Depois do sucesso da noite de autógrafos em Florianópolis, no mês de junho, a socióloga Lélia Pereira da Silva Nunes, membro da ACL (Academia Catarinense de Letras), lança o livro “Corpo de Ilhas” na 2ª Festa do Livro dos Açores, dia 14 de julho, no Passeio Marítimo de Ponta Delgada, na Ilha de São Miguel. A obra com 65 crônicas será apresentada pelo jornalista e escritor Vamberto Freitas.

    Corpo de Ilhas - DIVULGAÇÃO
    FOTO: DIVULGAÇÃO