Publicidade
Segunda-Feira, 24 de Setembro de 2018
Descrição do tempo
  • 28º C
  • 19º C

Formado em psicologia, Luiz Carlos Prates nasceu em Santiago, no Rio Grande do Sul, e pratica o jornalismo há 58 anos. Homem de posicionamento, perspicácia e ponto de vista diferenciado, ele tece comentários provocativos, polêmicos e irreverentes, abordando os fatos do dia a dia e pautas voltadas a comportamento.

  • Nem tudo que é legal é decente: o que as roupas dizem sobre nós

    Muito do que podemos não devemos. Todos entendem ou devem entender essa verdade. Antes de dizer do fato que hoje me traz até você, deixe-me dizer que é perfeitamente aceitável uma mulher de maiô ou até usando fio-dental na praia. Mesmo na praia, o fio-dental é de uma lamentável falta de pudor, de respeito por si mesma, mas, vamos lá... Se é legal, se não há proibição uma mulher vestir-se desse modo vergonhoso na praia, não há por que proibi-la de vestir maiô ou fio-dental para andar pelo centro da cidade. Ninguém a pode prender por isso. Nem tudo que é legal é decente. Quer dizer, muito do que podemos fazer não devemos fazer. A proibição é de ordem moral, de postura, de decência pessoal, das circunstâncias, da pessoa.

    Garota vai à escola sem sutiã e é obrigada a colar curativos nos mamilos - acaopopular.net
    Garota vai à escola sem sutiã e é obrigada a colar curativos nos mamilos - acaopopular.net



    O fato que me traz a esta arenga chata, leitora, vem dos Estados Unidos, de uma cidade que conheço bem: Bradenton, na Flórida, onde[...]

    Leia mais