Publicidade
Quinta-Feira, 14 de Dezembro de 2017
Descrição do tempo
  • 28º C
  • 21º C

Cozinha de Estar é onde quero receber você, sua família e amigos para experiências gastronômicas saborosas e especiais.
Luciane Daux é consultora gastronômica, food stylist, professora e colunista de gastronomia. Estudou no ICIF – Instituto Italiano de Culinária para Estrangeiros. Graduada em Administração de Empresas e especialista em Marketing.

Sabores de antigamente: receitas para fazer em panela de ferro

Sabor e charme das panelas de ferro! Elas estiveram ligadas às deliciosas comidas de longo cozimento, em fogões à lenha ou ao ar livre.

Luciane Daux
13/07/2012 00h31
Staub/Divulgação

As charmosas panelas de ferro fundido, esmaltadas ou não, são sonho de consumo de dez entre dez gourmets. Até aqui nenhuma novidade pois desde sempre elas estiveram ligadas às deliciosas comidas de longo cozimento, em fogões à lenha ou ao ar livre. A diferença é que as “panelas da vovó” hoje ganharam cores vibrantes, sobrenomes nobres e frequentam os templos da gastronomia e programas de televisão. Possivelmente você já tenha uma, mas se não, vale a pena o investimento em pelo menos um exemplar de tamanho médio, para a sua cozinha ganhar em sabor e charme.

 

“A excelente transmissão e retenção de calor do ferro fundido garantem um bom cozimento sem que o alimento perca seus líquidos e propriedades nutritivas. Ao contrário, as receitas são levemente enriquecidas com a transferência do ferro para os alimentos, suprindo 20% das necessidades diárias deste mineral no organismo e ajudando a prevenir ou curar anemias.” Fonte: WWW.panelamineira.com.br

 

Chefs estrelados na SC Gourmet
Inicia na próxima semana a 2ª SC Gourmet, Mostra de Delikatessen, Queijos, Vinhos e Gastronomia e que conta com a participação de chefs estrelados. No primeiro dia do evento, 18 de julho, o chef João Leme ministra a aula-show “O melhor da cozinha catarinense” e o chef Hindrigo Lorran ensina receitas com o "Caviar brasileiro". No dia 19 é a vez do francês Erick Jacquin falar sobre “Simplicidade, originalidade: cozinha do mar”. No dia 20 o chef Fabio Lima fala sobre “Cozinha brasileira contemporânea e os vinhos”. Para encerrar a programação, no dia 21, o alemão Heiko Grabolle elabora um jantar com o tema “5 elementos para um jantar perfeito”. As inscrições são gratuitas, exceto para o jantar harmonizado no dia 21/07, e podem ser feitas diretamente com o Senac pelo telefone 3222-0005 ou pelo email bistro@sc.senac.br

Serviço:
2ª SC Gourmet
Quando: 18 a 21 de julho de 2012
Horário: das 15h às 22h
Local: Pavilhão 1 do Parque Vila Germânica
Rua Alberto Stein, 199 – Bairro Velha – Blumenau, SC

Charmosa São José Gourmet
São José, com seus charmosos casarões, está se transformando aos poucos em uma excelente opção para os apreciadores do comer e beber bem, além da boa música. Veja as novas opções, além do Café da Corte (petiscos e música ao vivo) e Pão-por-Deus (sopas), entre outras não menos interessantes:


• Vinhos - A partir dessa semana o Centro Histórico de São passou a contar com a Essen Imperial e Enoteca Decanter, um espaço para eventos eno-gastronômicos, com cozinha gourmet e wine bar. Uma criteriosa seleção de vinhos e espumantes está disponível, assim como itens diferenciados na delicatessen. Dessa forma, a Decanter chega a 19 enotecas em todo o Brasil. “O objetivo é levar a tradição da empresa na área de vinhos, com mais de 15 anos de atuação no mercado, para os moradores de São José, Palhoça e bairros de Florianópolis no Continente”, afirma a proprietária da Essen, Regina Sabbi Essenburg.


• Festival de Inverno - Durante o mês de julho, às quartas e quintas-feiras, a chef Joyce Francisco irá elaborar pratos especiais pensados para as noites de frio, no Joy Joy Bistrot, em São José. O Festival de inverno ainda dará sugestões de harmonização do prato com alguns dos 170 rótulos que compõem a adega da casa. Somente mediante reservas: 3343-1144.

 

pzado Stock.XCHNG/ND

Carne de panela com molho ferrugem
1,2 kg de lagarto (tatu) limpo
50 g de toucinho defumado
1 linguiça calabresa
Tempero verde a gosto
1 cenoura
2 colheres (sopa) de óleo
2 cebolas picada
2 dentes de alho picados
¼ de xícara (chá) de purê de tomates
¼ de xícara (chá) de vinho tinto
sal e pimenta a gosto

 

1. Faça furos na peça de carne e introduza os pedaços toucinho, linguiça calabresa e tempero verde. Tempere a carne com sal e pimenta do reino.
2. Aqueça bem o óleo em uma panela de ferro e doure a carne de todos os lados.
3. Junte o restante dos ingredientes e refogue em fogo baixo.
4. Quando começar a secar o refogado, vá acrescentando água aos poucos (em torno de uma xícara de cada vez). Deixe secar, virando sempre a carne, e acrescente água novamente para que o molho vá engrossando e escurecendo. Esse processo deve levar em torno de 1h30m. Ao final, acerte o sal.
5. Sirva com purê de batatas ou espaguete.

 

Timot Stock.XCHNG/ND

Goulash
A receita tem origem húngara, remonta ao século 9 e é bem simples: carne bovina, cebola e páprica, cozidos longamente na “boorac” (panela de ferro típica - foto), alimento dos pastores de gado, nômades chamados “gulyas”.
1 kg de coxão mole em cubos de 2cm
2 cebola fatiadas
2 tomates sem pele nem sementes, picados
2 colheres (sopa) de azeite de oliva
2 dentes de alho amassados
1/2 de xícara (chá) de vinho tinto seco
1 colher (chá) de páprica picante
4 xícaras (chá) de água
1 colher (sopa) de farinha de trigo
Sal
1 sachê de caldo de carne em pó (opcional)

 

1. Tempere a carne com sal e polvilhe a farinha de trigo.
2. Em uma panela de ferro, aqueça o azeite de oliva em fogo médio e doure a cebola e o alho. Junte a carne, refogando até dourar.
3. Acrescente o tomate picado, vinho, água, páprica, caldo de carne (opcional).
4. Abaixe o fogo e cozinhe lentamente até que o ensopado adquira uma consistência mais espessa.
5. Sirva com batatas cozidas ou arroz.

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade