Publicidade
Quarta-Feira, 20 de Junho de 2018
Descrição do tempo
  • 22º C
  • 14º C
  • Copa do Mundo: Espanha vence Irã por 1 a 0 e lidera grupo B
  • #TORCIDANDNeymar volta a treinar, e Tite deve repetir equipe titular contra a Costa RicaMAIS COPA

Comportamento, políticas públicas, tendências e inovação. Uma coluna sobre fatos e personagens da cidade e da região

  • Gean Loureiro diz que "requalificação" do centro histórico de Florianópolis é prioridade

    Em conversa por telefone nesta quinta-feira (7), Gean Loureiro (PMDB) disse ontem que a “requalificação” do centro histórico de Florianópolis está no radar da prefeitura e que vem cuidando pessoalmente do assunto. Na edição desta quinta-feira, a coluna destacou a insatisfação dos comerciantes sobre a região. Eles alegam que muitos empreendimentos já fecharam as portas e cobram providências do poder público para reverter a degradação da área. “Há uma preocupação transversal do governo sobre o centro histórico”, defende-se Gean. Sobre as ruas, uma das reclamações expostas pela CDL, ele disse que calçadas serão recuperadas e todas as vias asfaltadas terão nova pavimentação. A Comcap, segundo ele, foi orientada a trocar todas as lixeiras. Sobre a Escola Antonieta de Barros, a PMF alega que pediu a intervenção do Estado, dono do imóvel.

    Situação do centro histórico preocupa comerciantes, mas PMF diz que tem projetos para a área - Marco Santiago, ND
    Situação do centro histórico preocupa comerciantes, mas PMF diz que tem projetos para a área - Marco[...]
    Leia mais
  • Decreto prevê horário de expediente durante a Copa do Mundo na Prefeitura de Florianópolis

    Decreto publicado nesta quinta-feira (7) definiu os horários de expediente na Prefeitura de Florianópolis nos dias de jogos da Seleção Brasileira na Copa da Rússia. Quando o Brasil entrar em campo às 15h, os servidores da administração direta, indireta, autarquias e fundações trabalharão das 8h às 13h30. No caso de jogo às 11h, o expediente começará às 14h30 e terminará às 19h. E quando a partida tiver início às 9h, o trabalho será das 12h às 19h. O decreto prevê que o funcionamento dos serviços considerados essenciais seja garantido no período.

     As unidades da rede municipal de ensino terão uma regra diferenciada. Nos dias em que houver jogo da Seleção às 15h, o expediente matutino iniciará em horário normal e o trabalho vespertino será dispensado. Com partida às 11h, o expediente matutino será dispensado e o expediente vespertino iniciará às 14h. Por fim, nos dias de jogo às 9h, o expediente matutino será dispensado e o expediente[...]

    Leia mais
  • Avança processo que investiga nomeações de procuradores de Florianópolis

    Está bem adiantado o processo administrativo interno que investiga a situação funcional de 12 procuradores municipais de Florianópolis. No processo administrativo instaurado pela prefeitura, todos já foram notificados e encaminharam manifestações ao procurador-geral do município, Diogo Pítsica, a quem cabe agora emitir parecer pelo arquivamento do processo ou exoneração de algum dos servidores. Em paralelo, corre inquérito civil público aberto pela 12a Promotoria de Justiça, que pode ter entendimento diferenciado a partir das informações que foram coletadas. A investigação, informada em primeira mão pela coluna no final de fevereiro, lembra o caso envolvendo os procuradores da Alesc e que ainda tramita no Supremo Tribunal Federal.

    Mais servidores na mira
    O
     Ministério Público, no entanto, não está de olho só em possíveis irregularidades envolvendo as nomeações dos procuradores. Pediu informações também sobre toda a vida funcional de pelo menos 300[...]

    Leia mais
  • Prefeituras terão que "sair da caixa" para driblar a crise e escapar da falência

    Um dos focos do Congresso de Prefeitos, entre os dias 11 e 14 deste mês, é a discussão de soluções tecnológicas e inteligentes para os municípios catarinenses. A premissa do evento que promete reunir cerca de 1.500 pessoas em Florianópolis é pertinente: com dinheiro escasso, com pouquíssima margem para investimentos, a aposta das gestões municipais deve ser a criatividade. Faz sentido. Especialistas que têm sido ouvidos pela coluna, diante das crises econômica e fiscal, defendem que os administradores municipais "saiam da caixa". Que esqueçam boa parte do que foi feito até agora e subvertam.
    Sintonia
    A análise é de que boa parte das prefeituras estará falida em pouco tempo. E que panoramas caóticos sob o ponto de vista das contas públicas, como os do Rio Grande do Sul e do Rio Janeiro não sejam mais "tão fora da curva". O primeiro conselho que muitos dão é "ouvir" a população, levar a outro "lugar" o conceito de democracia representativa. Isso,[...]
    Leia mais