Publicidade
Sexta-Feira, 16 de Novembro de 2018
Descrição do tempo
  • 26º C
  • 19º C

Comportamento, políticas públicas, tendências e inovação. Uma coluna sobre fatos e personagens da cidade e da região

  • Pioneiro no país, programa Capital Lixo Zero será apresentado em Brasília

    O superintendente municipal de Habitação e Saneamento, Lucas Arruda, apresenta nesta terça-feira (5), em Brasília, o projeto que começa a ser implantado em Florianópolis com a publicação, segunda-feira (04), do decreto que instituiu o programa Capital Lixo Zero. Segundo o engenheiro, a iniciativa é inédita entre as cidades brasileiras. “Queremos mudar a forma de gerir os resíduos”, afirma Lucas, que participa na capital federal, como convidado, da abertura do congresso internacional Cidades Lixo Zero.
    O decreto 18.646, publicado no “Diário Oficial”, estabelece as bases para discussão e mudança do atual modelo de gestão, com base nas normas nacionais em vigor e em conceitos que buscam a “efetiva separação e valorização dos resíduos sólidos”. Prevê, por exemplo, fomento às economias circular, colaborativa e solidária. Trocando em miúdos, a iniciativa tem o objetivo de estimular a redução do lixo produzido e, ainda, rever a forma de tratamento[...]

    Leia mais
  • Florianópolis vai criar taxa para veículos de turismo

    A administração municipal vai editar na semana que vem um decreto para criação e regulamentação da cobrança de uma taxa dos ônibus, micro-ônibus, vans e motorhomes que entrarem em Florianópolis. O texto já tem o aval do prefeito Gean Loureiro (PMDB). Segundo o superintendente de Turismo, Vinícius de Lucca, a expectativa é que 20 mil veículos paguem o pedágio, com previsão de arrecadação anual entre R$ 1,5 milhão a R$ 2 milhões.

    O dinheiro será destinado ao fundo municipal de turismo para, segundo Vinícius, investimento prioritário em obras de melhoria da infraestrutura. O projeto prevê também a implantação de um Centro de Turismo Receptivo, na região central. O pagamento será online, por intermédio do site da Secretaria de Turismo e o valor variável, de acordo com o veículo e o tempo de permanência. Vai desembolsar menos quem pernoitar na cidade, com o objetivo de estimular que os visitantes estiquem o tempo em Florianópolis e aumentem os gastos[...]

    Leia mais
  • Decreto regulamenta legislação que proíbe foie gras em Florianópolis

    Desde terça-feira, com a publicação do decreto 18.455, está regulamentada a lei que proíbe a produção e comercialização do foie gras, iguaria feita a partir do fígado gordo do pato. Estão previstas multas que variam entre R$ 2,5 mil e R$ 500 mil, com interdição parcial ou total do estabelecimento e apreensão dos produtos. Aprovado pela Câmara no final de 2016, o projeto foi apresentado pela vereadora Maria da Graça Dutra (PMDB).

  • Decreto regulamenta feriados e acaba com pontos facultativos em Florianópolis em 2018

    O prefeito Gean Loureiro (PMDB) assinou nesta segunda-feira (26) o decreto 18.456, que acaba com os pontos facultativos no serviço público municipal em 2018. O texto define o calendário de feriados (abaixo) que deverão ser seguidos pelos servidores, sem a tradicional "esticadinha" e os famosos feriadões prolongados. Além disso, prevê que nos dias sem expediente o atendimento dos serviços públicos essenciais deverá ser garantido "por intermédio de escalas de serviço ou plantão".

    Os feriados de 2018
    30 de março, sexta-feira, Paixão de Cristo
    21 de abril, sábado, Tiradentes
    1o de maio, terça-feira, Dia do Trabalho
    7 de setembro, sexta-feira, Independência
    12 de outubro, sexta-feira, Nossa Senhora Aparecida
    2 de novembro, sexta-feira, Finados
    15 de novembro, quinta-feira, Proclamação da República
    15 de deembro, terça-feira, Natal