Publicidade
Domingo, 23 de Setembro de 2018
Descrição do tempo
  • 27º C
  • 18º C

Informações e análises sobre a política catarinense, com prioridade para conteúdos exclusivos e inéditos. Entrevistas com personagens que decidem nas esferas do Executivo, Legislativo e Judiciário. Notícias e opiniões contextualizadas com os bastidores do poder.

  • Condenação do deputado João Rodrigues no STF pode confirmar a prisão do ex-presidente Lula

    A primeira turma do STF (Supremo Tribunal Federal) manteve, nesta terça-feira (6), a condenação do deputado federal João Rodrigues (PSD) a cinco anos e três meses de prisão, em regime semiaberto. O catarinense havia sido condenado pelo TRF-4 (Tribunal Regional Federal da 4ª Região) por irregularidades na compra de uma retroescavadeira, quando estava no exercício da Prefeitura de Pinhalzinho, em 1999. A defesa de Rodrigues pedia a prescrição da pena e vai insistir no recurso.

    João Rodrigues na votação do impeachment de Dilma Rousseff - Nilson Bastian/Câmara/ND
    João Rodrigues na votação do impeachment de Dilma Rousseff - Nilson Bastian/Câmara/ND



    O caso ganhou relevância nacional pois, pela primeira vez, o ministro Alexandre de Moraes se manifestou a favor da prisão a partir da condenação em segunda instância. Além de Moraes, os ministros Roberto Barroso e Luiz Fux votaram para que Rodrigues comece a cumprir pena imediatamente. Rosa Weber e Marco Aurélio Mello votaram contra.

    O caso pode ter repercussão direta na situação do[...]

    Leia mais
  • Colombo confirma licença em 16 de fevereiro e retorno para renúncia apenas em 7 de abril

    O governador Raimundo Colombo (PSD) confirmou, nesta terça-feira (6), que irá pedir licença no próximo dia 16 e permanecerá fora do governo estadual até 7 de abril, quando voltará para a renúncia oficial. O prazo é o limite para a desincompatibilização dos candidatos. Colombo pretende concorrer ao Senado. Os detalhes da saída não estão confirmados. A tendência é que seja um único pedido. Como serão mais de 30 dias, seria necessária uma autorização da Assembleia Legislativa. Em entrevista após a leitura da mensagem anual de abertura dos trabalhos no Legislativo, Colombo disse que acompanha e dá “toda a liberdade” para que o vice-governador Eduardo Pinho Moreira (PMDB) monte a sua equipe.

    Raimundo Colombo faz pronunciamento aos deputados - Luis Gustavo Debiasi/Agência AL/ND
    Raimundo Colombo faz pronunciamento aos deputados - Luis Gustavo Debiasi/Agência AL/ND



     

    O senhor confirma o pedido de licença no dia 16 e o retorno somente no dia 7 de abril, para a renúncia oficial?

    Essa é a minha intenção. Tudo que eu estou[...]

    Leia mais
  • Doutor em Ciência Jurídica Alceu Pinto será novo secretário de Segurança Pública do Estado

    O professor Alceu de Oliveira Pinto Junior será o novo secretário de Estado da Segurança Pública. Ele aceitou o convite do vice-governador Eduardo Pinho Moreira (PMDB) para compor o colegiado, a partir da renúncia do governador Raimundo Colombo (PSD) para concorrer ao Senado. Alceu assumirá a vaga de César Grubba. Também estão confirmados o coronel Araújo Gomes para o comando da Polícia Militar e Marcos Ghizoni Junior como novo delegado-geral da Polícia Civil. Alceu Pinto é doutor em Ciência Jurídica e advogado criminalista.

    Alceu de Oliveira Pinto Junior, novo secretário de Segurança Pública - Divulgação/ND
    Alceu de Oliveira Pinto Junior, novo secretário de Segurança Pública - Divulgação/ND



  • Novo secretário de Segurança Pública de SC já tem duas cidades e um alvo como prioridades

    O nó mais difícil na montagem do colegiado foi desatado nessa terça-feira (6) pelo vice-governador Eduardo Moreira (PMDB), com o anúncio de Alceu de Oliveira Pinto Junior como futuro titular da Secretaria de Estado da Segurança Pública. Doutor em Ciências Jurídicas e professor com larga experiência, Alceu pretende tomar medidas imediatas, mas sem comprometer ações cotidianas já estabelecidas. Com prioridade para as regiões de Florianópolis e Joinville, a secretaria deve atacar as organizações criminosas, com o objetivo de reduzir índices de homicídios e roubos.

    Moreira, que buscou em Alceu um nome com trânsito nas polícias Civil, Militar e respeito perante o Tribunal de Justiça e Ministério Público, também definiu a indicação do coronel Araújo Gomes como comandante da PM e Marcos Ghizoni Júnior para a delegacia-geral. A Segurança Pública é tida como o principal desafio do poder público em 2018.

    Alceu de Oliveira Pinto Junior, novo secretário de Segurança Pública - Divulgação/ND
    Alceu de Oliveira Pinto Junior, novo secretário[...]
    Leia mais