Publicidade
Quinta-Feira, 20 de Setembro de 2018
Descrição do tempo
  • 23º C
  • 18º C

Informações e análises sobre a política catarinense, com prioridade para conteúdos exclusivos e inéditos. Entrevistas com personagens que decidem nas esferas do Executivo, Legislativo e Judiciário. Notícias e opiniões contextualizadas com os bastidores do poder.

  • Enquanto espera eventual retorno à prisão, João Rodrigues continua em campanha eleitoral

    Por meio dos advogados, o deputado federal João Rodrigues (PSD) afirmou nesta quarta-feira (19) que respeita a manifestação da procuradora-geral da República, Raquel Dodge, para que seja restabelecida a pena em regime semiaberto, “porém discorda e vai recorrer em instâncias superiores”. Ainda em nota, o candidato informou que continua em plena campanha à reeleição, “afinal da conta, a candidatura está mantida e aguarda a intimação para poder dar cumprimento a qualquer decisão judicial que possa surgir”.

    João Rodrigues - Reprodução/ND
    João Rodrigues - Reprodução/ND



  • Kátia Abreu vem a Florianópolis sexta-feira debater plano de governo de Ciro Gomes

    Candidata a vice na chapa de Ciro Gomes (PDT), Kátia Abreu (PDT), estará em Florianópolis nesta sexta-feira (21) para um debate sobre o plano de governo. Participam o filósofo Mangabeira Unger, o economista Nelson Marconi e o do ex-ministro do Trabalho, Manoel Dias (PDT), candidato a deputado federal. O evento será às 14h.

    Ciro Gomes e Kátia Abreu - Agência Brasil/ND
    Ciro Gomes e Kátia Abreu - Agência Brasil/ND



  • Vice de emedebista, prefeito de Porto Belo, do PSD, anuncia apoio a Mauro Mariani

    Mais um apoio de outra coligação foi comemorado pela aliança de Mauro Mariani (MDB). Do PSD, o vice-prefeito de Porto Belo, Elias Cabral (à esq.), aderiu nesta quarta-feira (19) ao grupo. Cabral é vice de Emerson Stein (à dir.), que é do MDB. Conforme o vice, o “alinhamento é fundamental para a cidade”.

    Vice e prefeito de Porto Belo - Divulgação/ND
    Vice e prefeito de Porto Belo - Divulgação/ND



  • Sistemão do TCE-SC encontra resistências internas e externas, mas apoio de prefeituras

    Uma das estratégias para colaborar com os municípios na prevenção a erros administrativos é por meio do SIG (Sistema Integrado de Gestão), apelidado de Sistemão. Para Dado Cherem, é por meio dele que o TCE-SC começa a “virar a chave” e deixar de apenas punir. 

    Em esforço de divulgação, Dado Cherem rebate pecha do TCE de "tribunal de faz de contas"

    Sobre o SIG, Cherem reconhece que houve um clima de “mal-estar”, com informações “maldosas” – que saíram de dentro do próprio TCE-SC – de que haveria direcionamento da licitação. A justificativa seria o “choque cultural” que a ideia provocou. Outra reação também veio das empresas de tecnologia do setor. Cherem lembrou que o SIG nasceu de uma necessidade apresentada pelas prefeituras e está sendo bem recebido por elas.

    Reunião no TCE-SC - Douglas Santos/Divulgação/ND
    Reunião no TCE-SC anunciou o SIG em agosto - Douglas Santos/Divulgação/ND



    Leia mais