Publicidade
Quinta-Feira, 20 de Setembro de 2018
Descrição do tempo
  • 23º C
  • 18º C

Informações e análises sobre a política catarinense, com prioridade para conteúdos exclusivos e inéditos. Entrevistas com personagens que decidem nas esferas do Executivo, Legislativo e Judiciário. Notícias e opiniões contextualizadas com os bastidores do poder.

  • Gelson Merisio anuncia Guilherme Zigelli, do Sebrae-SC, eventual secretário da Fazenda

    Diante de empresários do comércio, serviço e turismo, o candidato Gelson Merisio (PSD) anunciou que seu secretário de Estado da Fazenda, caso eleito, será Carlos Guilherme Zigelli, presidente do Sebrae.

    Gelson Merisio - Divulgação/ND
    Gelson Merisio - Divulgação/ND



  • Gelson Merisio e Mauro Mariani divergem sobre como tratar os problemas do Estado

    Sem Décio Lima (PT), que falou primeiro para ir a Itajaí recepcionar Fernando Haddad (PT), Gelson Merisio (PSD) e Mauro Mariani (MDB) efetivamente debateram as questões propostas na Carta do Comércio, lançada ontem pela Fecomércio. Na discussão, marcada pela cordialidade, os três confirmaram que não pretendem aumentar impostos. Na única alfinetada, Merisio criticou o destaque a pontos negativos do Estado. Disse que “quem quer vender o cavalo tem que falar bem dele”. Mariani respondeu que está disposto a discutir os problemas, “sem varrer para debaixo do tapete”. Em outro momento de embate, Merisio foi frontalmente contra o posicionamento do presidente do Conselho Regional de Contabilidade Marcello Seemann sobre o percentual disponível para investimento no Estado.

    Merisio e Mariani - Divulgação/ND
    Merisio e Mariani - Divulgação/ND



  • Opção de Luciano Buligon por Jair Bolsonaro pode sinalizar rumo de Gelson Merisio

    Significativa, por envolver o prefeito de uma das cidades mais importantes de Santa Catarina, a expulsão de Luciano Buligon do PSB marca também uma tendência para as eleições ao governo do Estado. A cúpula nacional do partido não aceitou o anúncio de apoio ao presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) e tomou ontem a decisão. O prefeito de Chapecó é um dos mais fortes aliados do candidato Gelson Merisio (PSD). Questionado se o apoio a Bolsonaro pode ser acompanhado por Merisio, Buligon afirmou que esse “é o caminho”.

    Expulso do PSB, Luciano Buligon justifica apoio a Jair Bolsonaro: "Não posso me omitir"

    Gelson Merisio e Luciano Buligon - Divulgação/ND
    Gelson Merisio e Luciano Buligon - Divulgação/ND



    Merisio preferiu não adiantar se vai ou não com Bolsonaro. Articulador de uma aliança ampla, o pessedista tem cinco opções de presidenciáveis na chapa. Se realmente caminhar para Bolsonaro, escolheria um sexto, fora dessa representação. Até o momento, Merisio afirmou que só anunciaria apoio no segundo[...]

    Leia mais
  • Em Joinville, Gelson Merisio apresenta cinco compromissos com maior cidade catarinense

    Antes de ir a Joinville assinar carta de compromisso com pautas da cidade, Gelson Merisio (PSD) gravou inserções no horário eleitoral e concedeu entrevistas. Entre os cinco compromissos com os joinvilenses estão incluir a cidade “no centro das decisões de governo”; assumir a folha de pagamento do hospital São José, que é municipal; ampliar “imediatamente” o efetivo da Polícia Militar; investir em infraestrutura viária e “garantir a preservação de dois importantes símbolos”, os Bombeiros Voluntários, a escola do Teatro Bolshoi e a escola técnica da Tupy.

    Gelson Merisio em Joinville - Divulgação/ND
    Gelson Merisio em Joinville - Divulgação/ND