Volante Jean vira opção para Hemerson Maria no Figueirense

Atualizado

A necessidade em economizar neste início de temporada obrigou o Figueirense a abrir espaço para os jogadores das categorias de base. Só que ninguém no clube esperava que a estratégia fosse dar tão certo. Líder invicto no Campeonato Catarinense, o time dirigido por Hemerson Maria ainda abriu espaço para promessas como o volante Jean, um dos jovens destaques, que deu entrevista coletiva na semana do clássico com o Avaí.

Jean tem dois jogos como titular do Figueirense na temporada, mas já conseguiu agradar a comissão técnica e a torcida. “Aprendo muito diariamente. O que levo comigo é o respeito com todos os companheiros e comissão, sejam eles mais jovens ou experientes. Estou passando um período importante de transição na minha carreira”, afirma.

O jogador de apenas 19 anos também confessou se espelha em Zé Antônio, capitão do Figueirense e que atua na mesma posição. “Sempre tive essa personalidade de liderar as equipes que joguei. Na base sempre fui capitão e tive essas características. O Zé Antônio é o espelho e a referência que tenho aqui. É uma honra trabalhar com ele. Temos outros jogadores experientes, como Betinho e Ruan Renato, que nos orientam muito. Esse entrosamento dos garotos com eles é um crescimento enorme para todos.”

Essa é uma semana tensa para o Figueirense. Apesar de estar invicto no Campeonato Catarinense, o clube pode colocar tudo a perder no próximo final de semana. No domingo, às 16 horas, enfrenta o grande rival Avaí na Ressacada, em jogo que vale a liderança e deve apimentar ainda mais a rivalidade.

O Figueirense, com 26 pontos, vai defender a liderança para ter a vantagem nas semifinais. O Avaí é terceiro colocado, com 23 pontos. A Chapecoense é vice-líder com 24 pontos e vai receber o Joinville, já sem chances de classificação. O Marcílio, com 20 pontos, já tem definida a quarta posição.

Mais conteúdo sobre

Futebol