Secretaria de Educação de Florianópolis assegura liberdade de expressão na rede de ensino

Atualizado

A Escola Básica Municipal Maria Tomázia Coelho vai definir nos próximos dias uma nova data para exibição dos 16 curtas-metragens sobre “Os Jovens e a Diversidade”. A atividade estava marcada para o dia 23/8, mas um pai investiu com truculência contra a escola, com o objetivo de suspender a exibição dos filmes, por não concordar com a temática. 

“A Flor da Pele” era um dos filmes selecionados para a mostra na EBM Maria Tomázia – Divulgação

A Secretaria Municipal de Educação enviou uma nota à coluna com os seguintes esclarecimentos:

– A sessão estava programada para ocorrer no período da noite da última quinta-feira (23/8) na sede da unidade educativa, no Santinho

– Na tarde daquele dia, a SME recebeu a informação de que um pai tentava impedir a realização do evento por não concordar com o tema: os jovens e a  diversidade.

A SME reiterou a sua posição de que a escola tem autonomia para decidir se o evento ocorreria, como planejado, ou se seria cancelado.

–  A organização da mostra, formada por professores e direção da escola, decidiu não realizar a sessão dos 16 curtas-metragens.

– A Secretaria de Educação apoia de forma irrestrita o projeto da Escola Maria Tomázia.

– A Secretaria de Educação não é um órgão de censura. Defende o direito de liberdade de expressão dos membros da comunidade escolar.

–  Dentro de um projeto político-pedagógico, toda unidade educativa desenvolve suas atividades conforme suas necessidades.

–  A SME faz questão de lembrar que o tema “os jovens e a diversidade”, assim como os subtemas dos filmes, foram decididos pelos estudantes, sob a supervisão dos profissionais da educação da mais alta qualidade e competência.

– O ambiente educacional é propicio para a diversidade de ideias e  pensamentos.

– O ambiente educacional deve estar em sintonia com o mundo real.

– A SME defende e enobrece o objetivo da mostra de cinema: possibilitar aos estudantes conhecer, refletir e se expressar sobre o tema “os jovens e a diversidade”, mudando olhares e contribuindo para o respeito às diferenças.

Mais conteúdo